Mozart fala de escalação 'estranha', se diz satisfeito com o time e sinaliza estreia de Nem e volta de Moreno

·1 minuto de leitura


Em um duelo de muito esforço físico, mas de baixa técnica, Cruzeiro e Brasil de Pelotas empataram por 0 a 0 neste sábado, 3 de julho,no Bento Freitas, pela nona rodada do Brasileiro da Série B.

O resultado foi ruim para a Raposa, que tenta deslanchar na competição, se aproximando do G4. Para o Brasil, o ponto ganho valeu a saída da zona do rebaixamento. O time gaúcho está com sete pontos na 16ª posição, enquanto os mineiros ocupam a 13ª colocação, com nove pontos.

A grande surpresa do jogo foi a escalação estranha feita por Mozart Santos, que mexeu em todos os setores e fez improvisações no mínimo questionáveis, perdendo força do time que vinha ganhando “corpo” no campeonato.

Ele comentou suas intenções nas mudanças do time e ainda sinalizou que Marcelo Moreno deve voltar à equipe e Wellington Nem pode fazer sua estreia contra o Coritiba, terça-feira, 6 de julho, no Mineirão. Confira nos vídeos da matéria, o que o treinador da Raposa disse.

Mozart crê em melhora do Cruzeiro na tabela nas próximas rodadas
Mozart crê em melhora do Cruzeiro na tabela nas próximas rodadas

Mozart Gostou do que viu no Sul apesar do empate com o Brasil de Pelotas-(Bruno Haddad/Cruzeiro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos