Mourinho poderá deixar o Tottenham se não levar o clube à Champions e Spurs já têm opção para seu lugar

LANCE!
·1 minuto de leitura


Sofrendo muitas críticas no comando do Tottenham, o técnico José Mourinho tem o cargo ameaçado para a próxima temporada. De acordo com a imprensa inglesa, o lusitano poderá ser demitido dos Spurs caso não classifique o clube para a próxima edição da Champions League.

+ Veja a tabela da Premier League


Segundo o portal "Sportsmail", o motivo da exigência da direção do Tottenham se deve por causa da condição financeira, agravada pela construção do novo estádio do clube. A arena custou cerca de 1 bilhão de libras (R$ 7,8 bilhões atualmente), e os Spurs precisam do dinheiro da premiação da Champions visto que a renda de bilheteria está comprometida em tempos de pandemia.

Atualmente na sétima colocação do Campeonato Inglês, o Tottenham, que chegou a liderar a competição, tem 49 pontos. A sete rodadas do fim do torneio, o time de Londres está a seis pontos do West Ham, quarto colocado, clube que fecha a zona de classificação para a Champions League.

+ Veja como está a corrida pela Chuteira de Ouro na Europa

TOTTENHAM JÁ TRABALHA POR SUBSTITUTO
Caso José Mourinho deixe o comando do Tottenham, a equipe londrina poderá tentar a contratação de um compatriota do 'Special One'. Fazendo bom trabalho no Wolverhampton há algumas temporadas, o também português Nuno Espírito Santo é o favorito para assumir a equipe.

Nomes como Brendan Rodgers, do Leicester, e Julian Nagelsmann, do RB Leipzig, também estão entre os cotados, mas como menos força que o técnico dos Lobos.

Nuno Espírito Santo - Wolverhampton
Nuno Espírito Santo - Wolverhampton

Nuno Espírito Santo faz bom trabalho no comando do Wolverhampton (Foto: MARTIN RICKETT / POOL / AFP)