Moukoko se torna o mais jovem a marcar na história do Alemão, mas Dortmund perde para o Union Berlin

LANCE!
·2 minuto de leitura


Nem mesmo uma marca histórica de Youssofa Moukoko foi capaz de evitar mais uma derrota do Borussia Dortmund nesta sexta-feira. No jogo em que o atacante de 16 anos se tornou o jogador mais jovem a marcar na história da Bundesliga, o clube aurinegro foi derrotado por 2 a 1 para o Union Berlin, fora de casa. Awoniyi e Friedrich marcaram os gols dos mandantes.

+ Quem é o maior campeão europeu da década?

SITUAÇÃO NA TABELA
Com mais um resultado negativo, o Dortmund ficou com os mesmos 24 pontos e desperdiçou a chance de se aproximar do trio de líderes. Na quarta posição, o clube pode ser ultrapassado pelo Wolfsburg e cair para quinto até o fim da rodada. Já o Union Berlin chegou aos 21 pontos e assumiu provisoriamente a quinta posição.

+ Confira a tabela completa do Campeonato Alemão

SUSTO NO DORTMUND
Após um primeiro tempo truncado e sem brilho, o Union Berlin abriu o placar no início da etapa final. Após cobrança de escanteio, aos 11 minutos, Prömel desviou na primeira trave e o nigeriano Awoniyi apenas concluiu de cabeça para as redes, dando a vantagem para o clube mandante.

MOUKOKO FAZ HISTÓRIA
A alegria do Union Berlin durou pouco. Três minutos depois, aos 14, o Borussia Dortmund chegou ao empate com direito a uma marca histórica. Após passe de Raphaël Guerreiro, o alemão Youssoufa Moukoko bateu forte e igualou o marcador. Assim, o atacante de 16 anos e 28 dias se tornou o jogador mais jovem a marcar um gol na história da Bundesliga.

DE NOVO NA BOLA PARADA...
Após o empate, o Borussia melhorou na partida e ficou perto de virar, mas foi castigado novamente pela bola parada, a especialidade do Union Berlin. Em nova cobrança de escanteio, aos 32, Teuchert levantou na cabeça de Friedrich, que subiu mais alto que a defesa e cabeceou no canto de Bürki, garantindo a vitória do clube da capital.

PRÓXIMOS JOGOS
Já que o Campeonato Alemão só volta em 2021, o Borussia Dortmund vira a chave e volta a campo na terça-feira, às 16h (de Brasília), para enfrentar o Braunschweig, pela segunda fase da Copa da Alemanha. No mesmo dia e pela mesmo torneio, o Union Berlin terá pela frente o Padeborn.