Motivo de denúncia, cartaz de Gabigol é destacado nas redes da CBF

Gabigol foi advertido por ter usado cartaz de torcedor contra o Vasco (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Gabigol foi advertido por ter usado cartaz de torcedor contra o Vasco (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Artilheiro do ano no Brasil, Gabriel Barbosa tem tido motivos de sobra para celebrar - e não falta criatividade ao camisa 9 da Gávea na hora de comemorar com os companheiros. Contudo, uma comemoração feita pelo atacante entrou no radar do STJD, que o julgará nesta quarta-feira pelo cartaz levantado no clássico com o Vasco, em Brasília, com os dizeres: "Hoje tem gol do Gabigol".

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Em pauta nesta quarta-feira na sede do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Centro do Rio de Janeiro, o feito do jogador, por outro lado, é destacado nas redes sociais do perfil oficial do Campeonato Brasileiro - o que resultou em questionamentos dos fãs rubro-negros. O julgamento será a partir das 14h.

Leia também:

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Abaixo, a publicação no perfil do Campeonato Brasileiro com destaque para o camisa 9 do Flamengo, que aparece segurando o cartaz com os dizeres: "Hoje tem gol do Gabigol". Esta foto, porém, é da vitória por 3 a 0 sobre o Palmeiras, no Maracanã, que aconteceu duas semanas depois do 'Clássico dos Milhões'.

Apesar das reclamações, a torcida do Flamengo não tem motivos para preocupar-se com o julgamento desta quarta-feira. O Artigo 191 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, no qual Gabigol foi enquadrado, fala em descumprimento "de regulamento, geral ou especial, de competição" e prevê pena em multa de R$ 100 a R$ 100 mil. Mesmo se for punido, o atacante não virá a desfalcar o time de Jorge Jesus no Brasileiro por conta da comemoração.

Além do atacante, o próprio Flamengo e o rival Vasco serão julgados pelo STJD, nesta quarta, por conta de episódios no jogo no Mané Garrincha, em Brasília. Os clubes foram denunciados no Artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que fala em "lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo" e prevê multa de R$ 100 a R$ 100 mil.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também