Mosquito não descarta atuar em outra função no Corinthians: 'Se o Mancini precisar, estou aqui'

LANCE!
·2 minuto de leitura


Com a produção ofensiva em queda nos últimos jogos, o Corinthians de Vagner Mancini vem preparando alguns ajustes no setor. Um deles é testar jogadores de velocidade na função de centroavante, Apesar de ainda não ter sido um dos testados pelo treinador, Gustavo Mosquito se colocou à disposição para o desafio. Nesse caso, Jô deixaria a titularidade no comando do ataque alvinegro.

Durante entrevista coletiva na tarde desta terça-feira, o atacante revelou que o treinador tem realizado uma série de testes com atletas com característica de mais velocidade na posição de centroavante, como foi o caso de Léo Natel, que já fez essa função diante do São Paulo, no fim do ano passado e pode repeti-la. Sem ainda ter sido chamado para esse teste, Mosquito topa ajudar a equipe.

- Na verdade eu nunca joguei, mas se ele precisar eu estou aqui para ajudar, a gente treina alguns outros jogadores de velocidade na posição, eu ainda não treinei, nunca joguei nessa posição, mas se precisar eu jogo, sem problema algum. Temos o Léo Natel, que faz essa função também, jogador de força, de velocidade, mas o que o Mancini precisar de mim nessa posição, eu jogo sem problema.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

GALERIA
> Relembre quantos jogadores da base o Corinthians utilizou nesta temporada

A possível mudança no setor ofensivo implicaria na saída de Jô, que tem sido contestado por parte da torcida corintiana. Apesar de ser o artilheiro do elenco na temporada com oito gols, o centroavante não tem conseguido manter um nível de atuação, mas conta com o apoio dos colegas de grupo, como o de Gustavo Mosquito, que considerado o ídolo alvinegro como um mentor.

- É um grande jogador, é normal a cobrança em cima dele, em cima de qualquer jogador aqui no Corinthians, mas se eu não me engano ele é o artilheiro do time, então acho que o pessoal pega um pouco pesado, mas é um grande jogador, um cara tranquilo, um cara que me ajuda muito dentro de campo, conversando comigo. Acho que a cobrança é normal neste momento, de derrotas que a gente teve, mas a resposta é dentro de campo que a gente tem que dar. Tenho certeza que ele vai nos ajudar muito, como ele nos ajudou agora, assim como qualquer um que fizer essa função de centroavante.

Corinthians e Ceará se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h30, na Neo Química Arena, pela 34ª rodada do Brasileirão-2020. Atualmente, o Timão ocupa a décima posição na tabela, com 45 pontos, sete atrás do primeiro no G6.