Morto aos 78 anos, compositor Carlos Colla teve ídolo do Flamengo Júnior como um de seus intérpretes

'Tem Que Acreditar', faixa que deu nome a disco de 1990, foi feita por Carlos Colla e Alceu Maia (Reprodução/TV Reprodução/Instagram


Autor de grandes sucessos da música brasileira, Carlos Colla morreu nesta sexta-feira, aos 78 anos, no Rio de Janeiro, mas deixou no seu repertório uma ligação com o futebol. O compositor viu o ídolo do Flamengo, Júnior, gravar uma canção do seu repertório.

+ MERCADO DA BOLA: veja as movimentações no mercado da bola!

O craque apostou em uma música que Carlos Colla fez em parceira com Alceu Maia para ser a faixa que deu nome ao seu LP lançado em 1990. No ritmo da Copa do Mundo, "Tem Que Arrebentar" tinha versos que falavam sobre a expectativa de que a Seleção fizesse uma grande campanha no torneio, realizado na Itália.

No disco "Tem Que Arrebentar", Júnior ainda incluiu duetos com Toquinho, em "Verrá Il Giorno", e Mestre Marçal, em "Amigo É Pra Essas Coisas", e interpretou "Facho de Esperança", sucesso do grupo Fundo de Quintal.

Carlos Colla, por sua vez, estava internado no Hospital Copa Star, em Copacabana, onde passou por uma cirurgia para tratar dois aneurismas na aorta abdominal. Segundo seu filho, Carlos Colla Jr., o pai teve uma parada cardiorrespiratória, fruto de uma pneumonia e insuficiência renal.

O compositor teve 44 músicas gravadas por Roberto Carlos (entre elas "Falando Sério", "Passatempo", "Negra" e "Da Boca Pra Fora"). Além disto, escreveu canções como "Bye, Bye Tristeza" e "Solidão" para Sandra de Sá, "Pede a Ela", interpretada por Tim Maia, "Fogão de Lenha", gravada por Chitãozinho & Xororó, "Sonho Por Sonho", que a dupla Leandro & Leonardo gravou. Também é autor de "Delírios de Amor" para Alcione, "Você Vai Ver", na voz de Zezé Di Camargo & Luciano, "Querer É Poder", gravada em dueto por José Augusto e Xuxa, "Hoje A Noite Não Tem Luar", gravada pelo grupo Legião Urbana, e "Verdade Chinesa" e "Tá Tudo Errado", que receberam interpretações de Emílio Santiago.

TEM QUE ARREBENTAR - de Alceu Maia e Carlos Colla

Já chegou a hora da virada
Vamos lá, rapaziada
Botar pra quebrar

Quero ver correr o campo todo
Do começo ao fim do jogo
Tem que arrebentar

Vamos lá, galera

Botar pra ferver
Tem que suar
A camisa amarela
Que deram pra você

Tem que chegar junto
"Morde" o calcanhar
Deus é brasileiro
Pode acreditar

Tem que chegar junto
"Morde" o calcanhar
Deus é brasileiro
Pode acreditar...

Brasil!
Brasil!