Morre Juan Figer, empresário e agente de jogadores, aos 87 anos

·2 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Morreu nesta sexta-feira (31) o empresário uruguaio Juan Figer, aos 87 anos, após sofrer uma parada cardíaca. A informação foi divulgada pelo perfil no Instagram da neta, Stephanie Figer, e do Grupo Figer, empresa fundada por ele em 1969.

"É com o coração apertado que eu compartilho com vocês que fecharemos o ano de 2021 sem mais a presença do meu avô Juan. Infelizmente, após lutar muito, ele não resistiu a uma parada cardíaca e faleceu hoje", publicou Stephanie. " É assim que eu sempre me lembrarei de você Vô... viajando, comendo num bom restaurante e falando de futebol!", escreveu ela em foto em que aparece com o avô.

"É com imenso pesar que fecharemos o ano de 2021 sem a presença do nosso mestre Juan Figer", publicou o Grupo Figer, em mensagem também pelo Instagram.

Juan Figer é um dos agentes mais famosos do universo futebolístico e respeitado empresário do ramo. Sua empresa participou de grandes transações do futebol mundial, como a venda de Roberto Carlos para Inter de Milão (ITA) em 1995 e sua ida posterior ao Real Madrid (ESP), a transferência de Robinho para o Real em 2005, além das negociações que levaram Romário ao Barcelona (ESP) e Maradona ao Napoli (ITA).

A empresa também negociou a ida de Hulk ao Porto (POR), Diego Lugano ao São Paulo e Vanderlei Luxemburgo para ser técnico do Real Madrid. A então negociação mais cara da história do futebol a ida de Denilson do São Paulo ao Bétis (ESP), por US$ 32 milhões (R$ 178 milhões em valores atuais), também teve participação do grupo, entre diversas outras transações.

Figer se mudou para o Brasil nos anos 1960. Queria ser empresário de exportação e importação, mas acabou especializado no comércio de jogadores ao exterior. O primeiro investimento aconteceu em 1970, quando promoveu amistoso entre Flamengo e Peñarol no Maracanã.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos