Morre aos 88 anos K.C. Jones, lenda do Boston Celtics e da NBA

·2 minuto de leitura
K.C. Jones, ex-jogador e treinador do Boston Celtics, em uma entrevista coletiva em outubro de 2006 em Washington DC

K.C. Jones, um membro importante da dinastia Celtics na década de 1960, morreu aos 88 anos após uma carreira na qual conquistou dez anéis da NBA como jogador e treinador, informou o time de Boston nesta sexta-feira.

"A família Celtics lamenta a perda do 12 vezes campeão da NBA, duas vezes campeão da NCAA (liga universitária), medalhista de ouro olímpico e do Hall da Fama, K.C. Jones", disse a equipe de Boston em um comunicado.

Entre 1959 e 1966, Jones conquistou oito títulos consecutivos da NBA como jogador em Boston - um número inferior apenas aos de seus companheiros do Celtics, Bill Russell (11) e Sam Jones (10) - e sua camisa 25 foi aposentada pela equipe.

Anteriormente, Jones também havia conquistado a medalha de ouro olímpica nos Jogos de Melbourne em 1956 e os títulos da NCAA de 1955 e 1956 com a Universidade de San Francisco.

Apenas seis outros jogadores, incluindo Michael Jordan e 'Magic' Johnson, ganharam a chamada 'Tríplice Coroa', que consiste em um campeonato universitário, um campeonato da NBA e uma medalha de ouro olímpica, observou o Celtics.

Em 1983, Jones foi nomeado técnico do time do Celtics que, liderado em quadra por Larry Bird, Robert Parish e Kevin McHale, se tornou um dos melhores da história e conquistou dois campeonatos em 1984 e 1986.

Jones também ganhou mais dois anéis como auxiliar técnico do Los Angeles Lakers em 1972 e do Celtics em 1981.

"Para onde K.C. Jones ia, a vitória o acompanhava", reconheceu o Celtics. "Ele melhorou seus companheiros de equipe e tirou o máximo do potencial dos jogadores que treinava".

O falecimento de Jones ocorre apenas um mês e meio após a morte de Tom Heinsohn, seu companheiro de equipe no lendário Celtics dos anos 1950 e 1960, que também ganhou oito anéis como jogador e mais dois como técnico em 1974 e 1976.

gbv/ma/aam