Moradores de Palmas fazem outdoors contra Bolsonaro: “Não vale um pequi roído”

Anita Efraim
·2 minuto de leitura
Outdoor contra Bolsonaro em Palmas, Tocantins (Foto: Reprodução/Twitter)
Outdoor contra Bolsonaro em Palmas, Tocantins (Foto: Reprodução/Twitter)

Moradores de Palmas, no Tocantins, fizeram uma campanha de financiamento coletivo para produzir outdoors contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela cidade. Nos cartazes há imagens do presidente ao lado de frases como “Vaza Bolsonaro”, “Não vale um pequi roído”, além de pedidos de impeachment de Bolsonaro.

Ao todo, foram doados R$ 2,5 mil reais por mais de 50 pessoas. Tiago Costa, organizador da ação, usou as redes sociais para agradecer aos que contribuíram para o que chamou de “manifestação coletiva. “Nosso empenho é em solidariedade a todas as vítimas desse governo fascista e genocida”, afirmou.

No vídeo, Tiago ainda disse que já espera que os outdoors sejam retirados pelos “criminosos, que agirão para arrancar nossa mobilização”.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Não é a primeira vez que Jair Bolsonaro recebe críticas em outdoors pelo país. Em Sete Lagoas, Minas Gerais, houve uma disputa de propagandas contrárias e favoráveis ao presidente da República.

Em julho, apareceram na cidade mensagens de apoio a Bolsonaro, que diziam “7 Lagoas apoia Bolsonaro”, assinado por um grupo identificado como “Lojistas Unidos de 7 Lagoas”.

Leia também

Em seguida, foram instalados outdoors criticando Bolsonaro. A placa tinha frases ditas pelo presidente em relação ao coronavírus, como e daí?”, “é só uma gripezinha”, “quer que eu faça o que?”, “não sou coveiro”. Além disso, os críticos ainda fizeram piadas com a ema que bicou o presidente no Palácio da Alvorada.