Monteiro vence 1ª da carreira na Davis e aumenta vantagem do Brasil

Thiago Monteiro conseguiu uma ótima virada nesta sexta-feira para deixar o Brasil muito perto de fechar a série contra o Equador na última rodada do Zonal Americano 1 da Copa Davis. Entrando em quadra horas depois da vitória de Thomaz Bellucci, o brasileiro número 81 do ranking derrotou Roberto Quiroz (232º), por 3 sets a 1, com parciais de 6/7 (8-6), 7/6 (7-0), 6/3 e 7/6 (8-6). Foi a primeira vitória do cearense de 22 anos em uma edição da Davis.

O resultado coloca a delegação verde e amarela adiante na disputa contra os equatorianos, em 2 a 0. A série de melhor de cinco confrontos pode ser fechada já neste sábado, quando o Brasil será representado por Marcelo Melo e Bruno Soares, nas duplas, contra Gonzalo Escobar e o mesmo Quiroz que entrou em quadra nesta noite.

O confronto desta sexta foi marcado pelo equilíbrio. Com os adversários emparelhados e com Quiroz fechando o primeiro set no 14º ponto do tie-breake, a partida só foi desequilibrar no desempate da segunda parcial, no qual Thiago foi arrasador e não deixou o oponente fazer um ponto sequer,

Na terceira parcial, o brasileiro seguiu com a vantagem, não teve grandes dificuldades e fechou sem grandes dificuldades. Thiago manteve a boa postura, mas não teve vida fácil e precisou de novo tie-breake para garantir a virada.

O Brasil está em sua nova tentativa de integrar o Grupo Mundial, pelotão de elite da Davis, no ano que vem. Isso acontecerá caso a equipe feche a série diante do grupo equatoriano.