Monaco e City decidem vaga para as quartas de final da Champions

Dois jogos encerram nesta quarta-feira a rodada de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Destaque para o choque entre Monaco e Manchester City, que se enfrentam no Estádio Louis II, no Principado de Mônaco. Na ida as duas equipes fizeram um grande jogo na Inglaterra, com triunfo inglês por 5 a 3, de virada.

Agora, para conseguir se classificar, o Monaco precisa pelo menos de 2 a 0, já que os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate. O líder do Campeonato Francês tem uma tarefa complicada, pois o Manchester City pode até mesmo perder por um gol de diferença. Na visão do português Leonardo Jardim, comandante dos monegascos, seu time não deve pensar em obrigações e sim em se impor como mandante.

“Nós tivemos um grande jogo na ida onde estivemos na frente e poderíamos ter matado o jogo. Portanto, não me assusta a vantagem do Manchester City porque sei o que essa Liga dos Campeões tem apresentado em termos de emoções. Me preocupa sim a qualidade de meu adversário e por isso mesmo eu preciso que meu time entre em campo disposto a se impor e conseguir fazer o resultado que lhe interessa”, disse Jardim, que ainda não sabe se poderá contar com o atacante Falcão Garcia por conta de dores no quadrial, apesar de ele ter treinado nesta terça.

Já o espanhol Pep Guardiola citou o Barcelona para minimizar a vantagem de sua equipe. Mesmo perdendo por 4 a 0 na ida, o Barça atropelou o Paris Saint-Germain por 6 a 1 e acabou conquistando a classificação improvável.

“O que foi feito pelo Barcelona serve de alerta para todos os times desta Champions League, pois não existe mais vantagem considerada segura. O Barcelona tem um grande time, é fato, porém, o Paris Saint-Germain também não é um qualquer. A nossa mentalidade é a de que a definição da vaga só virá mesmo depois do apito final. O Monaco fez três gols em nossa casa e por isso não podemos acreditar em vantagem”, disse Guardiola.

FICHA TÉCNICA

MONACO x MANCHESTER CITY

Local : Stade Louis II, em Mônaco

Data: 15 de março de 2017, quarta-feira

Horário: 16h45 (de Brasília) 

Árbitro : Gianluca Rocchi (Itália)

Assistentes: Mauro Tonolini e Filippo Meli (ambos Itália)

MONACO: Subasic; Sidibé, Raggi, Jemerson e Mendy; Bakayoko, Fabinho, Bernardo Silva e Lemar; Mbappé e Falcao (Germain).

Técnico : Leonardo Jardim.

MANCHESTER CITY : Caballero; Sagna, Otamendi, Stones e Clichy; Yaya Touré, David Silva, De Bruyne, Sterling e Sané; Agüero.

Técnico : Pep Guardiola.