Minidesfiles das escolas de samba do Grupo Especial marcam abertura do Rio Carnaval 2023

A Cidade do Samba, na Gamboa, recebeu neste último final de semana minidesfiles das escolas de samba do Grupo Especial do Rio. O evento aproveitou a data especial do Dia Nacional do Samba, celebrado em 2 de dezembro, e realizou a abertura do Rio Carnaval 2023 com a apresentação dos sambas-enredo já escolhidos pelas agremiações. A festa logo tomou clima de avenida com direito a relógio de cronometragem, pista pintada, áreas de concentração, dispersão e a tradicional queima de fogos, que anuncia a entrada das escolas.

Quadrilha: Polícia prende 6 suspeitos por venda ilegal de 68 aves silvestres, em feira livre, na Zona Norte

Projeto: Acordo entre prefeitura, estado e TCE prevê investimento de R$ 40 milhões no Campo de Santana

No sábado (3), desfilaram as escolas que se apresentarão no primeiro dia de carnaval em 2023, no domingo, 19 de fevereiro. São elas: Império Serrano, Grande Rio, Mocidade, Unidos da Tijuca, Salgueiro e Mangueira. Já neste domingo (4), mais seis agremiações, que desfilarão na segunda-feira de carnaval, dia 20 de fevereiro, passam pela Cidade do Samba: Paraíso do Tuiuti, Portela, Vila Isabel, Imperatriz, Beija Flor e Viradouro.

Cada agremiação pôde levar até 240 componentes fantasiados, sendo que 50 deles na bateria, e todas tiveram até 35 minutos para se apresentar. Os desfiles contaram com comissão de frente, casais de mestres-salas e porta-bandeiras, baianas, passistas, velha guarda... Tudo que têm direito! E o público compareceu para conferir o que as escolas estão preparando para fevereiro de 2023.

No Norte Fluminense: Chuvas deixam quatro mortos e mais de dois mil desalojados

Além dos minidesfiles, o esquenta para as apresentações ficou com o Cacique de Ramos, que se apresentou meia hora depois da abertura dos portões tanto no sábado como no domingo.