Milton Mendes é uma escolha acertada do Vasco

Demorou dois dias para o torcedor do Vasco conhecer o novo técnico. Logo após o empate sem gols com o Botafogo no último domingo (19), o presidente Eurico Miranda anunciou Milton Mendes como o comandante da equipe. E, pelo que parece, a escolha foi acertada diante das opções apresentadas no mercado.

Aos 51 anos, o treinador, que ainda busca afirmação no mercado brasileiro, terá a missão de comandar o cruzmaltino no restante de 2017 e fazer o time se reconciliar com a torcida. Eliminado da Copa do Brasil, o Vasco tem pela frente a Taça Rio e o Campeonato Brasileiro.

Dos poucos treinadores de futebol do Brasil com o mais importante diploma de treinador da Europa - a licença Pro, concedida pela Uefa e que lhe dá permissão para treinar qualquer equipe do continente -, Milton Mendes fez o curso em Portugal, onde iniciou a carreira como treinador, em clubes de menor expressão, antes de trabalhar no Qatar.

Gilberto Camilo Vasco da Gama Botafogo Carioca 19032017


Comandado interinamente por Valdir Bigode, Vasco empatou com o Botafogo no último domingo (19) - Foto: Paulo Fernandes - Vasco da Gama)

No Brasil, dirigiu a Ferroviária-SP, passou pelo Atlético-PR e, no ano passado, ficou cinco meses no Santa Cruz.

Seu trabalho no Furacão foi moderno e coerente, com a defesa sendo o seu ponto forte, buscando proximidade das linhas e a marcação por zona. Quando perdia a bola, a equipe tinha como característica, pressionar o adversário com a bola, com o objetivo de ter tempo para recompor de maneira compacta e a se posicionar próximo do meio do campo.

Já no Santa Cruz, conquistou o título pernambucano e a Copa do Nordeste. No entanto, os maus resultados no Campeonato Brasileiro e comentários de uma relação  ruim com os jogadores e até mesmo com a diretoria o minaram. Ele acabou pedindo demissão após cinco meses de trabalho.

Rodrigo - Vasco


Rodrigo é um dos líderes do elenco (Paulo Fernandes - Vasco da Gama)

Desta forma, percebe-se que Milton Mendes é responsável por equipes com um padrão técnico muito bem definido. E o Vasco, que até o momento não apresentou nenhum padrão, precisa de um profissional com este perfil.

Atualmente, a equipe de São Januário é completamente desorganizada em campo, sem nenhuma jogada ensaiada. Os jogadores só sabem correr dentro de campo, sem mostrar um padrão de jogo.

O único ponto que preocupa o comando de Mendes é o seu temperamento forte. Com muita personalidade, ele irá precisar controlar o seu perfil para não perder o grupo e até mesmo saber lidar com Eurico Miranda.

Milton precisa acabar com o seu "prazo de validade" nos clubes para concretizar um bom trabalho. Se for mais maleável que nos últimos clubes que treinou, pode ter sucesso antes dos problemas internos.