Milton Mendes é apresentado no Vasco e avisa: "Comprometimento é a palavra de ordem"

"Se não der certo, a responsabilidade é única e exclusivamente minha. Não escolho por escolher". Foi assim que Eurico Miranda abriu a apresentação de Milton Neves, nesta segunda-feira (20), em São Januário.

O novo técnico do Vasco, que chega sob forte pressão por bons resultados após um início de temporada muito ruim, contando com a eliminação na Copa do Brasil na última semana, que culminou a demissão de Cirstóvão Borges, compareceu a entrevista coletiva ao lado do presidente do clube e avisou que "comprometimento é a palavra de ordem" para a equipe.

"Conheço relativamente a equipe. Tem um potencial enorme e com o tempo vamos tentar fazer render mais, que consiga o que nós pretendemos. Existem jogadores mais novos e "menos novos", e isso é lógico que é bom, dá um tempero. Agora é iniciar o trabalho e dar motivação. O comprometimento é a palavra de ordem. Os mais comprometidos vão jogar mais.", afirmou.

Milton Neves - Vasco

O primeiro desafio de Milton Mendes será na próxima quarta-feira (22), quando o Vasco recebe o Madureira, às 19h30 (horário de Brasília), pela Taça Rio.

Veja outros pontos da coletiva:

Método de trabalho

"Eu, se fosse me avaliar, diria que gosto da disciplina. Tenho alguns pontos que orientam minha vida profissional e familiar. União, disciplina... são pontos importantes. Todos que entenderem que assim conseguirão render mais... O Futebol é feito correndo, e muito. Mais do que adversário. Defini algumas linhas de conduta. Alguns grupos você precisa ser mais enérgico."

"Tenho as minhas estratégias, meus pontos principais a serem trabalhados. Mas os jogadores que serão os primeiros a saber. Teremos muitas conversas e diálogos protegendo o clube. Na hora que eu explicar tudo a eles, nós poderemos debater mais."

Oportunidade de treinar o Vasco

"Queria agradecer ao presidente pela oportunidade de estar em um grande clube. Conversamos sobre coisas bonitas, sobre vitórias que tivemos. Minha felicidade é enorme de representar essa nação. Tentar fazer o meu melhor, que é conseguir pontos e coisas positivas."

Personalidade forte

"Tento ter uma aproximação das pessoas, desde que saibam seu limite. Vamos trabalhar juntos diariamente. Se tivermos uma relação humana, fica mais fácil. Se forem sérios, honestos, também vão receber isso. Podemos divergir, mas sempre com respeito."

Clássico com o Flamengo

"Antes do Flamengo temos um jogo do meio da semana, o mais importante por ser o próximo. Vamos nos debruçar em cima disso."

Apoio do torcedor

"Precisamos sim do nosso torcedor. Nosso torcedor é diferente, apóia, entende o momento do clube. Hora é de união, de resgatar a relação com os torcedores. O melhor momento do Vasco foi assim. Torcedor é tão importante quanto o jogador. Que venham e nos ajudem. Os momentos são bons e ruins, e estamos aqui para assumir as nossas responsabilidades."

Elenco do Vasco

"Sobre o elenco, tenho certeza de que é bom. O treinador, quando entra, tem que colocar os jogadores nos devidos lugares e tirar deles o máximo possível. Estou contente com o plantel. Vou me juntar a eles e aos torcedores para buscarmos voos diferentes."

>