Michele Scarponi morre após ser atropelado em treino

O italiano campeão do Giro D'Itália de 2011 foi atingido por uma vã e não resistiu aos ferimentos

O campeão do Giro d'Itália de 2011, Michele Scarponi, de 37 anos, morreu neste sábado. Atropelado por uma van durante um treinamento perto de casa, em Filottrano (ITA) o italiano foi atingido em um cruzamento e não resistiu aos ferimentos. O ciclista morreu no local e não pôde ser reanimado pelos serviços de emergência. Scarponi deixa a esposa e dois filhos gêmeos. Através de um comunicado, sua equipe classificou o ocorrido 'uma tragédia grande demais para descrevê-la'.

'Deixamos um grande campeão e um homem especial, sempre sorridente em qualquer situação, era um autêntico marco e um ponto de referência para rodos na Astana' - completou a equipe.

Scarponi ficou com o título do Giro de 2011 após constatado o doping do espanhol Alberto Contador. Ele seria o líder da sua equipe para a próxima edição da prova italiana, que se inicia em menos de duas semanas, já que Fabio Aru desistiu da competição devido a uma lesão no joelho.

Na última sexta-feira, em Trento, Michele participou do Tour dos Alpes, terminando com a quarta colocação. Na última segunda, ele venceu a primeira etapa da competição. O italiano era um dos mais apreciados ciclistas do circuito por seu senso de humor e caráter alegre.

- Ontem (sexta-feira), ele estava competindo. Ele se aproximou. Michele me sorriu, como sempre. Ele estava feliz com a vitória (de segunda-feira). Ele falava do Giro. E agora eu estou aqui chorando por ele. Oh, meu Deus - escreveu no Twitter o treinador da equipe italiana, Davide Cassani.

Além do título do Giro em 2011, ele ficou em quarto lugar na prova em 2010, 2012 e 2013. No ano passado, foi o 16º colocado na prova italiana e o 11º na Volta da Espanha.










E MAIS: