Messi tem data marcada para julgamento que pode reduzir pena

Lionel Messi vai tentar fazer a Fifa reduzir a pena que ele recebeu na vitória da Argentina sobre o Chile, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. O craque foi punido com quatro jogos.

"É importante que ele apareça na companhia dos advogados da AFA para apresentar a sua versão e possa conseguir uma redução da pena", indicou Claudio Tapia, presidente da Associação de Futebol Argentina.

O dirigente deve desembarcar em Barcelona, para convencer o jogador de 29 anos a aconselhar-se com os cartolas da AFA e então comparecer na sede da entidade máxima do futebol, em Zurique, em 4 de maio.

Lionel Messi Argentina

(Foto: Getty Images)

VEJA TAMBÉM:

"Eu vou encontrar Messi", reiterou Tapia, revelando também que ainda não tem planos para se encontrar com quem poderia ser o novo treinador da seleção, Jorge Sampaoli.

Na penúltima partida com a camisa da Argentina, Messi foi considerado culpado de insultar o árbitro assistente do jogo, o brasileiro Emerson Augusto de Carvalho. Cumpriu uma partida, contra a Bolívia, derrota argentina por 2 a 0.