Messi marca pela primeira vez pelo PSG em vitória sobre o City na Champions

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Messi comemora o primeiro gol pelo PSG (Foto: Harry Langer/DeFodi Images via Getty Images)
Messi comemora o primeiro gol pelo PSG (Foto: Harry Langer/DeFodi Images via Getty Images)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Lionel Messi anotou nesta terça-feira (28) seu 121º gol na Champions League. Pela primeira vez, não foi com a camisa do Barcelona. Ele balançou a rede vestindo a camisa do Paris Saint-Germain e contribuiu para a vitória por 2 a 0 sobre o Manchester City, pela segunda rodada do Grupo A. 

No Parc des Princes, Gueye também deixou sua marca no placar, ainda no primeiro tempo, aos oito minutos. O jogo estava equilibrado depois do intervalo e, em um contra-ataque, o argentino ampliou, aos 28. 

Leia também:

O resultado contra os ingleses ameniza a turbulência em Paris causada por críticas de Mbappé a Neymar, captadas por emissoras de TV no último jogo do PSG pelo Campeonato Francês. Durante a vitória sobre o Lyon, o francês foi flagrado no banco de reservas reclamando que o brasileiro não lhe passava a bola. 

A imprensa parisiense aponta que o clima no vestiário do clube é de apoio a Neymar, sobretudo porque o camisa 7 havia externado antes do início da temporada que seu desejo era se transferir ao Real Madrid. 

Desta vez, o brasileiro teve atuação mais discreta. Coube justamente ao francês servir um companheiro para abrir o placar, aos oito minutos da etapa inicial, quando cruzou rasteiro para Gueye completar. 

Nem o gol logo cedo, porém, deixou o PSG mais solto. Assim como na abertura da Champions, quando o time empatou com o Club Brugge, por 1 a 1, o poderoso trio ofensivo ainda tinha dificuldade para encontrar uma sintonia em campo. 

O City, por sua vez, só não empatou porque Bernardo Silva perdeu um gol sozinho, embaixo da trave, para desespero de Pep Guardiola à beira do gramado. 

Depois do intervalo, a equipe inglesa parou em boas defesas de Donnarumma, principalmente em um chute de De Bruyne, cruzado, que o goleiro afastou com o pé. 

Do outro lado, o PSG tentava encaixar contra-ataques. E foi num lance de velocidade que o time chegou ao segundo gol. Novamente Mbappé apareceu para servir um companheiro. Ele cruzou da direita, e Messi, na entrada da área, finalizou forte, no ângulo do goleiro Ederson, para fechar a conta. Foi seu primeiro gol pelo novo clube.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos