Meninos da Vila não seguram o Bahia e o Peixe perde em Salvador

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·3 minuto de leitura


Com um time praticamente formado por Meninos da Vila, o Santos encarou de igual para igual o Bahia jogando em Salvador, mas acabou derrotado pelo Tricolor Baiano na última rodada do Campeonato Brasileiro 2020, competição que se encerrou nesse início de 2021 devido a pandemia do Covid-19.

Com um golaço de Rossi ainda no começo da partida e um de Alesson aos 45 minutos do segundo tempo, o Bahia venceu o jogo e conquistou a vaga para a próxima Copa Sul-Americana beneficiado com a derrota do Sport para o Athletico Paranaense.

O Santos, que havia conquistado na última rodada a vaga para a próxima Copa Libertadores, terminou o Brasileirão com 54 pontos, na 8ª colocação do campeonato. Já o Bahia somou 44 pontos e terminou a competição na 14ª posição.


O GOLAÇO

Com objetivos ainda dentro do Brasileirão, o Bahia desde o começo de jogo foi para cima do Peixe. Em um rápido contra-ataque, Rossi parou em João Paulo, que fez grande defesa. Só que minutos depois o atacante baiano foi o vencedor do duelo contra o arqueiro santista. Após cobrança de escanteio de Rodriguinho, Gregore desviou na primeira trave e Rossi, sozinho no segundo pau, deu um lindo voleio para abrir o marcador. Um golaço!

ELEMENTO SURPRESA

O Peixe demorou a chegar ao ataque. Os primeiros 20 minutos de jogo foram do Bahia. Mas a reta final da primeira etapa foi do Santos. Dos pés de Ângelo, de 16 anos, muitos dribles e jogadas agudas. Em uma delas, após grande lance, ele chegou na linha de fundo e cruzou rasteiro para o volante Vinícius Balieiro chutar por cima do gol. O volante, já nos minutos finais da primeira etapa, foi quem teve a outra grande chance de marcar. Após cruzamento de Arthur Gomes, cabeceou para boa defesa do goleiro Douglas.

TROCAÇÃO

O segundo tempo começou bem diferente do primeiro, com o Peixe pressionando o Bahia, só que pecando nas finalizações. Já o Bahia quase marcou com Rodriguinho, que só não foi as redes devido boa intervenção de João Paulo.

GOL NO APAGAR DAS LUZES

O Bahia, que controlou mais o jogo na segunda parte do 2º tempo, ainda no final marcou mais um gol. Juninho Capixaba puxou contra-ataque pela esquerda, invadiu a área e cruzou para Alesson dividir com um defensor do Peixe e empurrar a bola paras redes. Gol aos 45 minutos de jogo. Depois foi só esperar o juiz apitar o final do jogo.

O ADEUS DE UM MENINO DA VILA

O Peixe começou a partida com nove Meninos da Vila, mas do outro lado, no Bahia, também tinha um jogador da base do Santos: Gregore. O volante se destacou no Santos B, ao lado de Pituca, mas não acertou sua permanência na Vila na época e acabou no Tricolor Baiano. Negociado nessa semana com o Inter Miami, time dos Estados Unidos, ele participou do gol de Rossi e foi um dos destaques do Bahia em seu jogo de despedida no clube.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 2 X 0 SANTOS – 38ª RODADA DO BRASILEIRO

Data e horário: 25 de fevereiro de 2021, às 21h30
Estádio: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)
Assistentes: Rafael Trombeta (PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)


Gol: 1-0 Rossi (14'/1T); 2-0 Alesson (45'/1T)

BAHIA
Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia (Juninho Capixaba, 24’/2T); Gregore, Patrick, Ronaldo (Ramon, 24’/2T); Rossi (Thiago, 36’/2T), Rodriguinho (Daniel, 44’/2T) e Gilberto (Alesson, 36’/2T). Técnico: Dado Cavalcanti.

SANTOS
João Paulo; Fernando Pileggi (Gabriel Pirani , 1’/2T), Luiz Felipe, Alex e Wagner Leonardo; Vinícius Balieiro, Sandry (Tailson, 33’/2T) e Jean Mota (Ivonei, 24’/2T); Ângelo (Lucas Lourenço, 40’/2T); Bruno Marques e Arthur Gomes (Allanzinho, 24’/2T). Técnico: Marcelo Fernandes.