Meninas do Cruzeiro superam o Ipatinga e chegam à decisão do Campeonato Mineiro Feminino

Valinor Conteúdo
LANCE!
Foi um massacre das Cabulosas sobre o Tigre do Vale do Aço- (Divulgação/Cruzeiro)
Foi um massacre das Cabulosas sobre o Tigre do Vale do Aço- (Divulgação/Cruzeiro)


Em apenas nove meses de trabalho, a equipe feminina do Cruzeiro chegou à sua segunda final de campeonato! Após o vice no Brasileiro A-2, que garantiu uma vaga na elite do futebol feminino nacional em 2020, as Cabulosas bateram o Ipatinga por 8 a 0 na tarde deste sábado, e confirmaram presença na decisão do estadual. O adversário será o América-MG.

Diante de um bom público na Toca da Raposa I, o Cruzeiro voltou a apresentar um futebol ofensivo e envolvente. Os gols da vitória estrelada foram marcados por Miriã (3), Janaína, Duda, Kim, Hingredy, e um contra. Agora, a Raposa aguarda a definição da Federação Mineira de Futebol para saber local, data e horário da decisão que acontece em uma única partida.

O Cruzeiro chega à final com o melhor ataque da competição, tendo balançado as redes adversárias 44 vezes. E a melhor defesa, sem sofrer nenhum gol. Micaelly é a artilheira do campeonato com nove gols marcados.




O jogo


Com uma formação diferente, usando a lateral Isa Leone adiantada, o Cruzeiro começou a partida se impondo. Logo aos nove minutos, Duda recebeu cruzamento vindo da direita e bateu forte para o gol, a bola passou com perigo.
Aos 16 minutos, bate rebate na área e Miriã mandou para o fundo das redes para abrir o placar: 1 a 0. Um minuto depois, quase saiu o segundo, mas Kim acertou a trave. Aos 28, Janaína foi cruzar e surpreendeu a goleira marcando um belo gol: 2 a 0.

Ainda teve tempo para mais um no primeiro tempo. Aos 44 minutos, Kim cruzou da direita e Duda marcou de cabeça: 3 a 0.

Na etapa final, o tempo fechou e junto com isso veio uma chuva de gols. Aos 11 minutos, o Cruzeiro chegou com velocidade na área e Duda tocou para Miriã para fazer 4 a 0.

O quinto veio aos 14 minutos. Thayane cruzou da direita e Miriã de cabeça fez o terceiro dela no jogo: 5 a 0. Aos 25, Dantas cobrou escanteio e Kim de cabeça fez 6 a 0. Aos 36, Janaína bateu para o gol e a zagueira mandou para o próprio gols: 7 a 0.

Quem fechou o placar foi a zagueira Hingredy, que aproveitou uma sobra da defesa e bateu para o gol: 8 a 0.

O técnico Hoffmann Túlio escalou o Cruzeiro com: Camila; Janaína, Pires (Hingredy), Jajá (Lia) e Dantas (Eskerdinha); Pâmela, Duda (Karol Dias), Thayane e Isa Leone (Vanessa); Miriã (Aline Rosa) e Kim.













Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também