Melhor do mundo? Cristiano Ronaldo investe pesado para virar líder mundial em ramo de implante capilar

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Acostumado com prêmios individuais de melhor jogador do planeta, Cristiano Ronaldo agora quer se tornar referência mundial em outro ramo. O craque português do Manchester United investiu pesado em uma nova unidade da 'Insparya Hair Medical Clinic', grupo especializado em implante capilar. Mas engana-se quem pensa que Cristiano é calouro no negócio.

Dono de 50% da empresa, a nova filial inaugurada por CR7 fica localizada em Marbella, no sul da Espanha. O investimento na Costa del Sol rendeu 15 salas disponíveis para tratamento. E essa não é a primeira unidade. Em Madrid, o camisa 7 já administra com a esposa Georgina Rodríguez uma clínica da 'Insparya Hair Medical Clinic' que rendeu ano passado 1,8 milhões de euros.

Na capital espanhola, Cristiano desembolsou uma bolada para transformar a unidade em referência do ramo de implante capilar. São 18 salas e 130 funcionários. A próxima cidade da lista é Milão, na Itália. O craque eleito cinco vezes melhor do mundo ainda pretende inaugurar franquias na França, Bélgica ou Alemanha.

+ Veja a posição do Manchester United no Campeonato Inglês!

A ideia de CR7 é transformar a Insparya líder mundial na modalidade. O português está disposto a investir mais 25 milhões de euros em outras filiais e ostentar um retorno avaliado em até 100 milhões de euros.

Vale ressaltar que Cristiano Ronaldo tabém é dono de empreendimentos no ramo de academias (CR7 Fitness), vestuários (CR7 Underwear) e hotelaria (Pestana CR7).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos