Melhor defensor do NBB, Jimmy terá duelo nível NBA': 'Desafio de luxo'

Rafael Arantes
LANCE!


A preparação para mais uma temporada do NBB tem sido o grande foco das equipes de basquete do país e não é diferente com os atuais vice-campeões da competição. Na próxima semana, o Franca viaja para os Estados Unidos para um duelo de luxo na pré-temporada. O time paulista vai enfrentar o Brooklyn Nets em amistoso no dia 4 de outubro e Jimmy, seu principal nome no setor defensivo, já espera ansiosamente pelo duelo com um dos maiores nomes da NBA: o armador Kyrie Irving.

O ala de 29 anos é tricampeão do prêmio de Melhor Defensor do NBB e não vê a hora de provar o alto nível da equipe de Franca num confronto de alto nível na pré-temporada. Mesmo ciente do poderio da equipe norte-americana, quando a bola subir o duelo será de igual para igual em Nova Iorque.

- É um privilégio para a gente ter um jogo-treino com um nível tão alto, é um desafio de luxo. Sabemos que tem todo o glamour da NBA e enfrentando uma equipe tão qualificada como a do Brooklyn a partida fica ainda mais importante. É um ótimo teste para sabermos como estamos nos preparando. Espero que tanto o Kyrie, como toda a equipe principal, esteja em quadra. Quando a bola subir, a língua é a mesma: o basquete. E a gente vai pra vencer - disse.

O camisa 18 da equipe paulista não esconde a alegria do compromisso em uma das arenas da maior liga de basquete do mundo, mas revela que o velho sonho de atuar na NBA não é tão presente nos dias de hoje, quando o maior desejo é defender a Seleção Brasileira em uma das tão cobiçadas competições do mundo.

- É claro que jogar numa quadra da NBA é a realização de um sonho, mas o tempo vai passando e nossas prioridades também. Quando eu era mais novo, pensava muito nisso, mas agora é diferente. Penso bem mais em Seleção, em poder defender o meu país em uma competição como Olimpíada ou Copa do Mundo. Sonho muito com isso - comentou o ala.







Jimmy
Jimmy
Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Jimmy sonha em defender a Seleção na Olimpíada | Divulgação CBB

Em alta no Campeonato Paulista, o Franca quer fazer da temporada 2019-20 o detalhe que faltava para alcançar o topo do basquete nacional. Atual campeão sul-americano e vice do NBB, o time sonha alto para a nova temporada e Jimmy endossa muito bem o discurso por novas conquistas.

- A gente sabe que todas as equipes vão querer ganhar ainda mais da gente, até mesmo pelo histórico recente, mas isso também serve como incentivo. É claro que é uma mini pressão, que pede um compromisso ainda maior de cada um de nós, mas nos motiva também. Temos que nos manter focados. Todo mundo trabalha para ser campeão. Ano passado batemos na trave, está um pouco engasgado, mas sabemos que temos condições de ir mais além, mesmo com um caminho ainda mais difícil - comentou o jogador.

Torcida por evolução do basquete nacional

E não é só a boa fase do Franca, semifinalista do Paulista, que vem tomando a cabeça do ala. Próximo do início de mais uma temporada do NBB, Jimmy vem comemorando cada vez mais a evolução da competição mais importante do país, mas admite que espera por um crescimento ainda maior do basquete nacional. O sonho de ver a modalidade como grande destaque e o Brasil sempre cotado entre os maiores do mundo é mais do que presente nos pensamentos do atleta.

- Estou desde o início do NBB e fico muito feliz com a evolução que o basquete nacional vem apresentando no geral. Acredito que ainda podemos melhorar, temos muito para isso, mas é uma vitória a cada dia. Vejo os campeonatos estaduais ainda não tão consolidados e acho que poderíamos apostar até em um formato interestadual para a pré-temporada. Aqui em São Paulo temos o Paulista mais elaborado porque são muitas equipes, mas seria ótimo todas as equipes com um período de preparação igual. Sabemos que para isso é preciso investimento, mas tenho confiança que nosso basquete vai voltar a estar no topo. Espero que daqui a uns dez anos, quando eu tiver parando, eu já esteja vendo de perto esse ápice - finalizou.













Leia também