Meia Patrick, do Grêmio, evolui bem após cirurgia no joelho

Futebol Latino
·2 minuto de leitura


Um dos destaques da temporada na equipe de Transição do Grêmio, o meia Patrick sofreu um duro golpe durante a campanha tricolor no Brasileirão de Aspirantes. O camisa 10 sofreu uma lesão no joelho direito na vitória sobre o Vila Nova, em Goiânia, no dia 14 de dezembro do ano passado. No dia anterior, o jovem havia jogado 10 minutos no empate da equipe de Renato Portaluppi com o Goiás pelo Brasileiro.

>Onde o Tricolor ainda pode chegar no Campeonato Brasileiro

No ano passado, em partida contra o Corinthians, o meia teve participação direta em dois gols da equipe Sub-23 e atuação de destaque. Isso fez com que o jogador voltasse a receber oportunidades na equipe principal. Um dia depois de voltar a atuar na equipe principal, o atleta de 22 anos rompeu o ligamento cruzado anterior e precisou fazer cirurgia para dar início a sua recuperação.

O procedimento foi executado no dia 13 de janeiro e Patrick já está entregue ao departamento de fisioterapia do clube onde segue sua recuperação.

- Infelizmente sofri essa lesão em um bom momento que eu atravessava, mas nada que tire minha motivação. Realizei a cirurgia há um mês, já estou fazendo a fisioterapia com todos os cuidados para estar de volta o quanto antes. Sei que é um processo que leva tempo, mas vou dar meu máximo para estar dentro de campo de novo e dar sequência no meu trabalho - afirma o atleta criado na base gremista.

Natural de Porto Alegre, Patrick deve retornar aos gramados no segundo semestre de 2021. No ano passado recebeu sondagens de clubes europeus e proposta para atuar na equipe do Vasco. Como não vinha sendo utilizado por Renato Portaluppi, fez um pedido para atuar na equipe de Thiago Gomes e ganhar ritmo de jogo.

Na equipe de Transição, participou da campanha no Brasileirão de Aspirantes com nove jogos onde, além dos dois gols marcados, acumulou quatro vitórias, três empates e apenas duas derrotas.