Medvedev vence Auger-Aliassime e é o primeiro finalista do US Open

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
O russo Daniil Medvedev avançou para a final do US Open nesta sexta-feira ao derrotar o canadense Felix Auger-Aliassime (AFP/Kena Betancur)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O tenista russo Daniil Medvedev, número 2 do mundo, derrotou o jovem canadense Felix Auger-Aliassime em três sets nesta sexta-feira e vai disputar a final do Aberto dos Estados Unidos contra Novak Djokovic ou Alexander Zverev.

Medvedev venceu Auger-Aliassime, décimo quinto no ranking mundial, com parciais 6-4, 7-5 e 6-2 em duas horas e três minutos de jogo na quadra central de Flushing Meadows (Nova York).

Em busca de seu primeiro Grand Slam, Medvedev jogará sua terceira final de um torneio 'major' no domingo contra o vencedor da outra semifinal entre o sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo, e o alemão Alexander Zverev, que recentemente se sagrou campeão olímpico.

O russo de 25 anos poderá ser o último adversário de Djokovic em seu caminho para conquistar o primeiro Grand Slam completo em uma temporada nos últimos 52 anos.

"Não acho que joguei meu melhor tênis hoje, mas estou muito feliz por estar na final no domingo", disse um sorridente Medvedev após sua vitória.

Djokovic e Medvedev já se enfrentaram no início deste ano na final do Aberto da Austrália, com vitória do sérvio.

O russo também perdeu na final do Aberto dos Estados Unidos de 2019, em uma batalha de cinco sets contra o espanhol Rafael Nadal.

"A última vez aqui foi um jogo muito louco. Se for um jogo como este no domingo, espero ganhar desta vez", confidenciou o russo. Por sua vez, Auger-Aliassime, 21, estava competindo para ser o mais jovem finalista masculino do Grand Slam desde que o argentino Juan Martín del Potro venceu o Aberto dos Estados Unidos de 2009 aos 20 anos.

"A última vez aqui foi um jogo muito louco. Se for um jogo como este no domingo, espero ganhar desta vez", afirmou o russo.

Já Auger-Aliassime, de 21 anos, lutava para ser o mais jovem finalista masculino do Grand Slam desde que o argentino Juan Martín del Potro venceu o US Open de 2009 aos 20 anos.

Aconselhado por Toni Nadal, tio e treinador de Rafael Nadal, o canadense protagonizou um torneio espetacular em que bateu outra das grandes revelações, o espanhol Carlos Alcaraz, de 18 anos.

O tenista de Montreal vem gerando grandes expectativas há três anos, mas ainda não consegue traduzir em vitória os momentos decisivos: perdeu as oito finais que disputou em torneios ATP.

Sua derrota para Medvedev impediu que houvesse representantes canadenses nas duas finais do US Open, onde a jovem Leylah Fernández enfrentará a britânica Emma Raducanu valendo o título feminino.

gbv/gfe/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos