Medvedev atropela Kecmanovic e encara Khachanov em Adelaide

ATP


O russo ex-número 1 do mundo e atual 7º, Daniil Medvedev, está nas quartas de final do ATP 250 de Adelaide, na Austrália, após atropelar o sérvio Miomir Kecmanovic, 29º. Medvedev busca vaga na semifinal contra o compatriota Karem Khachanov.

Cabeça de chave três no torneio, Medvedev precisou de 1h07 para fechar o placar em 6/0 6/3 tendo disparado os sets aces da partida, cometido as três duplas-faltas e vencido 76% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 42% de aproveitamento do sérvio.

"É sempre melhor vencer de 6/0 a um 7/6 salvando nove setpoints e jogando por 1h20. Mas o tênis não é fácil, caso contrário qualquer um poderia ser número 1 e só temos um; Estou feliz com o nível que apresentei hoje diante de um forte adversário. O segundo set foi mais duro, mas controlei até o fim e estou empolgado para as próximas partidas", declarou ele em entrevista em quadra logo após o jogo.

Medvedev encara agora o compatriota Karen Khachanov, 20º, que venceu com tranquilidade o britânico Jack Draper, 42º, com placar de 6/4 6/2 após 1h32 de partida e sem sofrer nenhuma quebra.

Medvedev e Khachanov já se enfrentaram três vezes no circuito profissional e Daniil levou a melhor em duas oportunidades.

Os russos não se enfrentam desde setembro de 2019 e Medvedev comentou não recorda de tal encontro, mas sabe o que esperar: ""Nós dois mudamos muito. Ele é um adversário muito forte, ele pode vencer qualquer um. Ele venceu Jack hoje, que é um jovem em ascensão, então ansioso por esta partida difícil."