Medina vence repescagem em Portugal e mantém sonho do título

Gabriel Medina segue firme na luta pelo título mundial. Depois de ser superado logo na estreia da etapa de Peniche, em Portugal, o campeão de 2014 foi para a repescagem neste sábado com Mason Ho e travou uma disputa emocionante com o rival havaiano, superando-o apenas nos últimos segundos da bateria ao acertar um aéreo – o brasileiro somou no total 11.66, contra 6.33 do adversário.

Com o resultado, Medina se juntou a Miguel Pupo, único dos nove brasileiros em Portugal que se classificou direto para a terceira rodada da competição por ter vencido a primeira bateria.

Quem também entrou na água para disputar a repescagem neste sábado foram Adriano de Souza e Filipe Toledo. Campeão mundial de 2015, Mineirinho adotou uma estratégia de selecionar bem as ondas e com isso pôde bater o australiano Stuart Kennedy ao encerrar a bateria com 12.27, contra 4.93 do adversário.

Já Filipe Toledo, que também tinha chances de se sagrar campeão mundial ainda que dependesse de uma difícil combinação de resultados, não resistiu ao promissor Leonardo Fioravanti, da Itália, e acabou eliminado. Filipinho até iniciou bem, tirando um 7.90, entretanto, não encontrou boas ondas durante a disputa e viu o adversário somar 15.34, o suficiente para decretar a sua derrota.

Ainda restam cinco brasileiros para disputar a repescagem. Se houver condições, a disputa reinicia neste domingo. Jadson André tentará se manter vivo na etapa de Peniche enfrentando Kolohe Andino, Ian Gouveia irá encarar o australiano Connor O’Leary, Ítalo Ferreira pega o francês Jeremy Flores, enquanto Caio Ibelli e Wigolly Dantas protagonizarão o duelo de brasileiros nas águas portuguesas.