Medina se salva e vai à semifinal do Circuito Mundial de surfe no Taiti

Medina é o único na disputa pela final da competição (Foto: Ed Sloane / WSL via Getty Images)
Medina é o único na disputa pela final da competição (Foto: Ed Sloane / WSL via Getty Images)


O dia não foi nada bom para os brasileiros, em Teahupoo, no Taiti, pelo Circuito Mundial de surfe. Nesta quarta-feira, quatro brazucas lutaram pela semifinal, mas apenas Gabriel Medina garantiu-se na próxima fase. O bicampeão mundial passou pelo francês Jeremy Flores. Jadson André, Mineirinho e Caio Ibelli deixaram a competição nas quartas de final.

O começo de prova para Medina e Jeremy Flores foi complicado por conta das poucas ondas. Contudo, o bicampeão mundial fez o possível para garantir seu nome na semifinal. Ele somou 11. 77 contra 2.50 do francês.

Antes disso, na primeira bateria, Jadson André brigou, até conseguiu encaixar boas ondas, mas caiu para o australiano Owen Wright, dono da segunda nota 10 no Taiti. O brasileiro somou 16.67 contra 19.07 do adversário. Ele está fora da competição.

Na bateria seguinte, Jordy Smith achou uma ótima onda, driblou a preferência de Mineirinho e conseguiu um bom tubo. Sul-africano abriu a vantagem e cravou a classificação para próxima fase. 14.06 para Jordy e 8.67 para Adriano de Souza.

O último brasileiro a entrar na água foi Caio Ibelli. Ele não também não conseguiu seguir na competição e perdeu para o havaiano Seth Moniz, que fez 15.60 contra 12.83.

A semifinal vai acontecer nesta quarta-feira.










Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também