Medina se lesiona, mas avança na estreia em Gold Coast

A etapa de Gold Coast, na Austrália, marcou o início da temporada do Mundial de Surfe em 2017 e teve as baterias do primeiro round sendo disputadas na noite da última quarta-feira e madrugada desta quinta (no horário de Brasília). Diversos brasileiros na água, incluindo Gabriel Medina e Adriano de Souza, que venceram e avançaram para a próxima fase. Filipe Toledo acabou derrotado e jogará a repescagem.

Medina foi para água em confronto diante do compatriota Wiggoly Dantas e o havaiano Ezekiel Lau. Com bom desempenho nas ondas, o campeão mundial de 2014 anotou pontuação de 16.50, suficiente para superar os 10.90 de Dantas e os 10.70 de Lau, e assegurar a vaga na próxima fase.

Na melhor onda que executou, no entanto, um aéreo que lhe rendeu uma pontuação de 8.67, o brasileiro acabou aterrizando de mau jeito na água e sentiu lesão no joelho, deixando a água mancando. Após passar com o corpo médico da WSL, foi diagnosticado que o problema não deverá tirar o surfista do restante da disputa em Gold Coast.

Pela décima bateria do round, Filipe Toledo enfrentou o português Federico Morais e o australiano Adrian Buchan. Com 15.10, Toledo terminou abaixo do europeu, que contabilizou 15.70, e deixou de avançar para a próxima fase, podendo ainda conseguir a vaga pela repescagem.

Adriano de Souza foi para a água na bateria seguinte, diante dois australianos, Bede Durbidge e Josh Kerr. Os rivais fizeram, respectivamente, 15.44 e 11.33 de pontuação, enquanto Mineirinho somou 16.17 com direito a uma impressionante onda de nota 9.17, garantindo assim sua classificação. Jadson André foi outro brasileiro a avançar, ganhando de Michael Bourez, da Polinésia, e Conner Coffin, dos Estados Unidos.

Atual campeão mundial, John John Florence também terminou com triunfo em seu confronto, anotando 16.83 para superar os 13.50 de Mikey Wright e os 8.20 de Connor O’Leary, ambos surfistas da casa.

Confira todos os resultados do primeiro round da etapa de Gold Coast: 

Jadson André (BRA): 11.46 x Michael Bourez (PLN): 10.27 x Conner Coffin (EUA): 9.40

Matt Wilkinson (AUS): 13.67 x Stuart Kennedy (AUS): 8.83 x Ian Gouveia (BRA): 8.13

Kolohe Andino (EUA): 11.33 x Jack Freestone (AUS): 10.67 x Kanoa Igarashi (EUA): 3.10

Gabriel Medina (BRA): 16.50 x Wiggoly Dantas (BRA): 10.90 x Ezekiel Lau (HAV): 10.70

Jordy Smith (AFR): 11.93 x Miguel Pupo (BRA): 11.77 x Nat Young (EUA): 10.66

John John Florence (HAV): 16.83 x Mikey Wright (AUS): 13.50 x Connor O’Leary (AUS): 8.20

Mick Fanning (AUS): 13.27 x Jeremy Flores (FRA): 13.13 x Kelly Slater (EUA): 11.20

Julian Wilson (AUS): 16.80 x Leonardo Fioravanti (ITA): 12.07 x Caio Ibelli (BRA): 10.90

Joel Parkinson (AUS): 16.86 x Joan Duru (FRA): 16.40 x Italo Ferreira (BRA): 11.66

Federico Morais (POR): 15.70 x Filipe Toledo (BRA): 15.10 x Adrian Buchan (AUS): 13.43

Adriano de Souza (BRA): 16.17 x Bede Durbidge (AUS): 15.44 x Josh Kerr (AUS): 11.33

Owen Wright (AUS): 16.83 x Ethan Ewing (AUS): 15.27 x Sebastian Zietz (HAV): 12.20