McGregor recebe quase três vezes mais do que todos lutadores somados do UFC 246

AgFight

No último sábado (18), Conor McGregor mais uma vez provou que é uma estrela do UFC, ao nocautear Donald Cerrone. Mas fora do octógono, o irlandês também mostrou sua força e o quanto de dinheiro pode receber por uma apresentação sua. De acordo com informações obtidas pelo site ‘MMA Fighting’ através da Comissão do Estado de Nevada, o irlandês recebeu quase três vezes mais do que todos os outros 21 lutadores do UFC 246 somados.

Apenas para entrar no octógono, o irlandês ganhou 3 milhões de dólares (cerca de R$ 12,6 milhões). Essa quantia não leva em conta vendas de pay per view e o prêmio de 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por “Performance da Noite”, que ele recebeu após derrotar o ‘Cowboy’ com 40 segundos de luta.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Todos os outros atletas somados do evento levaram para casa cerca de um pouco mais de um milhão de dólares, comprovando a força que o astro irlandês tinha no evento. Adversário de McGregor, Cerrone ficou muito atrás no quesito financeiro e recebeu “apenas” 200 mil dólares (cerca de R$ 840 mil).

Único brasileiro presente no evento, Carlos Diego Ferreira pode não ter recebido a quantia milionária de McGregor, mas saiu com os bolsos cheios. Somente para lutar, o atleta já havia recebido 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil). Porém, recebeu mais 100 mil dólares (cerca de R$ 420 mil), por conta do bônus da vitória e pelo prêmio de “Performance da noite”. Dessa maneira, levou para casa uma quantia de 150  mil dólares (cerca de R$ 630 mil).

Confira todos os salários:

Conor McGregor – 3 milhões de dólares (cerca de R$ 12,6 milhões) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por “Performance da noite”
Donald Cerrone – 200 mil dólares (cerca de R$ 840 mil)
Holly Holm – 150 mil dólares (cerca de R$ 630 mil) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) de bônus da vitória
Raquel Pennington – 63 mil dólares (cerca de R$ 264 mil)
Aleksei Oleinik – 75 mil dólares (cerca de R$ 315 mil) + 75 mil dólares (cerca de R$ 315 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por “Performance da noite”
Maurice Greene – 30 mil dólares (cerca de R$ 126 mil)
Brian Kelleher – 23 mil dólares (cerca de R$ 96,6 mil) + 23 mil dólares (cerca de R$ 96,6 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por “Performance da noite”
Ode Osborne – 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil)
Anthony Pettis – 155 mil dólares (cerca de R$ 651 mil)
Carlos Diego Ferreira – 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) de bônus da vitória + 50 mil dólares (cerca de R$ 210 mil) por “Performance da noite”
Roxanne Modafferi – 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil) + 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil) de bônus da vitória
Maycee Barber – 29 mil dólares (cerca de R$ 121 mil)
Andre Fili – 55 mil dólares (cerca de R$ 231 mil)
Sodiq Yusuff – 27 mil dólares (cerca de R$ 113 mil) + 27 mil dólares de bônus da vitória
Tim Elliott – 31 mil dólares (cerca de R$ 130 mil)
Askar Askarov – 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil) + 10 mil dólares de bônus da vitória
Drew Dober – 55 mil dólares (cerca de R$ 229 mil) + 55 mil dólares de bônus da vitória + 50 mil dólares por “Performance da noite”
Nasrat Haqparast – 25 mil dólares (cerca de R$ 104 mil)
Aleksa Camur – 10 mil dólares (cerca de R$ 42 mil) + 10 mil dólares de bônus da vitória
Justin Ledet – 20 mil dólares (cerca de R$ 84 mil)
Sabina Mazo – 12 mil dólares (cerca de R$ 50 mil) + 12 mil dólares de bônus da vitória
JJ Aldrich – 30 mil dólares (cerca de R$ 126 mil)
Cláudia Gadelha – 54 mil dólares (cerca de R$ 226 mil) *

*Não lutou, pois sua adversária, Alexa Grasso, ficou muito acima do limite de peso da categoria dos palhas.

Leia também