Mbappé e novo Bernabéu: Real Madrid quer voltar a ser Galáctico

Goal.com

O Real Madrid sempre foi o clube das grandes estrelas do futebol, desde Di Stéfano até Cristiano Ronaldo. Agora, seu presidente, Florentino Pérez, conhecido por ter montado os "galácticos", no começo do século, tem outro projeto: trazer Mbappé e criar um novo Santiago Bernabéu.

Que o clube merengue sonha em levar o francês, todos já sabem - e estão cansados de saber. Mesmo que as especulações mais recentes deem conta de que o atacante pode renovar seu contrato com o PSG, os madrilenhos ainda observam a revelação da Copa do Mundo de 2018 como peça final dos "novos galácticos".

O projeto de Pérez é simples: depois de ter vencido quatro Liga dos Campeões em cinco anos com uma espinha dorsal que continha nomes como Toni Kroos, Casemiro, Luka Modric, Cristiano Ronaldo, Karim Benzema e Sergio Ramos, o Real Madrid busca montar seu elenco para a próxima década. Com Mbappé como a "cereja do bolo".

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ainda que nomes como Federico Valverde, Rodrygo e Vinícius Júnior já estejam em evidência neste primeiro momento, ainda falta o grande craque desta equipe - o sucessor de Cristiano Ronaldo. E é aí que o francês entra na jogada.

E o projeto do Real Madrid para a contratação de Mbappé é ainda mais ambicioso: o sonho do mandatário é que o clube consiga promover essa nova era dos "galácticos" em um Santiago Bernabéu remodelado. 

Com um teto retrátil que abre e fecha em quinze minutos e instalações dignas de hotéis cinco estrelas, o estádio está claramente sendo remontado para ser considerado o mais moderno do planeta. Representativo para um clube que, seja para o bem ou para o mal, sempre tentou alcançar a megalomania.

As obras custarão quase 800 milhões de euros (R$ 5 bilhões na cotação atual) e estão previstas para serem terminadas em 2022. Tudo pronto para que Mbappé esteja no maior palco do planeta quando estrear com a camisa merengue. Pelo menos, para Florentino Pérez. Estáis avisados.

Leia também