Mbappé diz que tem tudo para levar Bola de Ouro

AFP
Mbappé concede entrevista à AFP em Paris
Mbappé concede entrevista à AFP em Paris

"Tenho todos os ingredientes para ganhar a Bola de Ouro, mas não posso votar pelas pessoas", declarou o atacante do Paris Saint-Germain Kylian Mbappé, um dos favoritos ao prêmio que será entregue no dia 3 de dezembro, em entrevista à AFP.

Sobre se acredita que "este ano incrível terminará com uma Bola de Ouro", Mbappé respondeu à AFP: "Não sei, mas de qualquer forma tenho todos os ingredientes para ganhá-la. Da minha parte, fiz o possível, mas não posso votar pelos outros".

A Bola de Ouro é entregue após a votação de cerca de 200 jornalistas, de todo o mundo, que têm até a próxima sexta-feira para opinar quem foi o melhor jogador do planeta em 2018.

"Fiz o possível da minha parte (...) e não há nada do que me arrependa...", declarou Mbappé, 19 anos, que conquistou este ano a Copa do Mundo na Rússia como um dos destaques da seleção da França.

Acumulando ainda três títulos nacionais na França com o Paris SG, Mbappé disputa a Bola de Ouro com outros astros, como seus compatriotas Antoine Griezmann e Raphael Varane.

"Acredito que a Bola de Ouro se decide pelos principais acontecimentos do ano e este ano tivemos a Copa do Mundo. Estou certo de que isto vai pesar. Depois há o que foi feito durante todo o ano e tive um bom início de temporada. Vamos ver no que vai dar".

O craque declarou que se não for ele, espera que outro jogador da França fique com a Bola de Ouro: "Francamente, espero isto! Fizemos algo grande" conquistando a Copa do Mundo. "Não seria injusto (...) mas seria uma pena um francês não ganhar, porque fizemos história...".

O croata Luka Modric (Real Madrid), ganhador dos últimos prêmios individuais da UEFA e da FIFA e eleito melhor jogador da Copa da Rússia, para muitos é o favorito para ocupar o lugar do português Cristiano Ronaldo, Bola de Ouro em 2017 e ainda candidato a manter o título.

Mbappé concorda que Cristiano Ronaldo e Lionel Messi estão longe de entregar seus postos de principais craques do planeta: "Ninguém é melhor agora", declarou sobre os jogadores de Juventus e Barcelona.

"Isto só ocorrerá quando vier alguém que jogue melhor, e ninguém é melhor que eles no momento. Mas não acredito que levem a Bola de Ouro este ano porque teve a Copa do Mundo e, como já disse, a Copa domina".

"Mas se você analisa apenas o jogador em estado puro, ainda não há ninguém melhor. Este ano ainda foram os melhores: 'Messi foi o artilheiro na Europa e Cristiano Ronaldo, o artilheiro da Liga dos Campeões'".

Leia também