Mauro Cezar se diz contra a paralisação do futebol e sugere criação de bolha

LANCE!
·1 minuto de leitura


Durante a última edição do "Fala, Maurão", o comentarista Mauro Cezar avaliou que não acha necessária a paralisação do futebol por causa da pandemia da Covid-19. Para o jornalista, a "elite" do esporte (série A) pode continuar desde que mantenha medidas sanitárias e testagem regular dos atletas.

> Confira a classificação atualizada dos campeonatos estaduais e simule os resultados do seu time!

- Eu, pessoalmente, acho que o futebol não deve parar. Pelo menos o futebol jogado na primeira divisão, com cuidados específicos, com testes. Os jogadores da elite são testados mais de uma vez na semana e seguem rígidas recomendações sanitárias. Eles não significam um foco de transmissão da doença - disse o comentarista.

- O futebol tem a sua função, não só na manutenção de uma economia que gera muito dinheiro, mas, também, de manter as pessoas em casa. Acaba funcionando como um entretenimento durante a pandemia. É uma decisão muito política - concluiu Mauro Cezar.

O comentarista também sugeriu a criação de uma "bolha sanitária", onde os atletas viveriam nos centros de treinamento dos clubes e só sairiam para os jogos, sem contato com pessoas de fora do meio.