Mauro Cezar cita dívida do Atlético-MG, contratações caras e aponta perigo de uma 'cruzeirada'

LANCE!
·1 minuto de leitura


A dívida de 1 bilhão de reais do Atlético-MG é assustou o comentarista Mauro Cezar Pereira. O jornalista questionou as contratações de peso do clube em meio a esses grandes números de endividamento, além de destacar os perigos de uma possível "cruzeirada" do Galo, apesar de entender que a situação do clube não é proporcional a do rival Cruzeiro.


>> Veja a classificação do Campeonato Mineiro


- O que impressiona no caso atleticano é que as contratações de jogadores caros continuam, turbinadas pela generosidade de milionários que presenteiam o clube. Mas e depois? Mas faz sentido entrar nesse caminho extremamente arriscado, perigoso? - escreveu Mauro, nesta sexta-feira, em seu blog no site "UOL".

Mauro cita que muitos torcedores levantam a existência shopping Diamond Mall, mas lembra que 50,1% desse patrimônio foi vendido para a Multiplan há 14 meses e o valor foi destinado a recursos da obra do novo estádio (veja fotos da obra).

- Vender o patrimônio ainda existente para pagar dívidas contraídas principalmente pelo futebol não seria boa alternativa. A fonte acabaria secando, cedo ou tarde, com boas chances de o passivo seguir forte - ponderou ele.


- Claro que a montanha de erros e irregularidades cometidas no Cruzeiro não tem paralelo. E a situação do Galo é bem diferente, sabe-se. Mas isso não afasta o perigo de uma crise financeira sem precedentes na história do clube. Uma cruzeirada. Que perigo! - finalizou o jornalista.

Desde a última temporada, o Atlético-MG tem feito altos investimentos com o aporte da patrocinadora e promete brigar pela conquista de todos os campeonatos em disputa em 2021.