Mauricio Pochettino é apresentado como novo técnico do PSG

·2 minuto de leitura
Mauricio Pochettino assinou contrato como técnico do Paris Saint-Germain até junho de 2022

O Paris Saint-Germain apresentou neste sábado o argentino Mauricio Pochettino como novo técnico da equipe, substituindo o alemão Thomas Tüchel, demitido no início desta semana.

"O técnico argentino Mauricio Pochettino assinou contrato até 30 de junho de 2022, com outra temporada como opção", informou o clube francês.

Pochettino, que estava sem clube desde que deixou o Tottenham em novembro de 2019, deve comandar seu primeiro treino no domingo, dias antes do reinício do Campeonato Francês, interrompido pelas festas de fim de ano.

"Estou extremamente feliz e honrado por me tornar o novo treinador do Paris Saint-Germain", afirmou o técnico argentino.

“Como sabem, este clube sempre teve um lugar particular no meu coração. Guardo memórias maravilhosas, especialmente do ambiente único do Parc des Princes. Volto agora ao clube com muitas ambições e humildade, e também estou muito ansioso por trabalhar com jogadores que estão entre os mais talentosos do mundo ", acrescentou o argentino, ex-jogador do PSG entre 2001 e 2003, período em que conquistou a Taça Intertoto da Uefa, torneio que reunia equipes que não se classificavam para a Liga dos Campeões e a Copa da Uefa.

“Este time tem um potencial fantástico e farei todo o possível com a minha equipe técnica para otimizar os resultados do Paris Saint-Germain em todas as competições. Também faremos o nosso melhor para dar à nossa equipe esta identidade de jogo combativo e ofensivo que os torcedores parisienses adoram", disse.

O primeiro compromisso de Pochettino à frente do PSG será na quarta-feira, 6 de janeiro, contra o Saint-Etienne, pela 18ª rodada do Campeonato Francês.

Aos 48 anos, Pochettino ainda não conquistou um título como treinador, mas foi vice-campeão da Inglaterra em 2017 e finalista da Liga dos Campeões em 2019 com o Tottenham.

O argentino tem fama de fama de trabalhador árduo, muito exigente na preparação física de suas equipes.

O técnico argentino chegou a Paris na sexta-feira, acompanhado dos assistentes Jesús Pérez e Miguel D'Agostino.

eba-jr/psr/lca