Maurício Souza posta Superman beijando Mulher-Maravilha e fala sobre desligamento : 'Culpa da turma da lacração'

·1 min de leitura

Depois do pedido de desculpas publicado ontem em suas redes sociais, Maurício Souza voltou a versar sobre seu desligamento do Minas Tênis Clube. O jogador de vôlei defendeu a equipe mineira e culpou o que chamou de 'turma da lacração' pela pressão sobre patrocinadores, que ameaçaram romper com o Minas caso não houvesse novos desdobramentos sobre as declarações com teor homofóbicas do central.

- O Minas não teve culpa nenhuma disso tudo. A culpa é da turma da lacração fazendo pressão em cima dos patrocinadores. Acarretou de o patrocinador ameaçar tirar o patrocínio do feminino e do masculino. Isso ficou insustentável. O meu diretor, Elói (Oliveira), e o meu presidente, Ricardinho (Santiago), fizeram o máximo para me segurar na equipe. Fizeram o possível e o impossível. Infelizmente, o time não aguentaria perder tantos patrocínios assim. E aí aconteceu o que aconteceu. Mas eles foram homens. São homens de verdade, que eu admiro. A culpa não foi deles - diz Maurício no vídeo.

Leia também:

Maurício Borges, companheiro de quarto Douglas Souza durante os Jogos Olímpicos, e Ricardinho, ex-levantador da Seleção Brasileira, curtiram a publicação do jogador afastado por declarações homofóbicas

Hoje, Maurício Souza já havia publicado uma espécie de provocação ao caso. Revivendo a troca de farpas com o ponteiro Douglas Souza, o jogador de vôlei postou uma imagem do Super-Homem beijando a Mulher Maravilha dentro de uma cabine telefônica.

Em 12 de outubro, o atleta iniciou o debate público ao realizar uma postagem no Instagram reclamando de uma imagem do novo Superman, filho de Clark Kent, dos HQs da DC Comics, Joe Kent, que é bissexual. Em comentário, ele escreveu: "Ah, é só um desenho, não é nada demais'. Vai nessa que vai ver onde vamos parar".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos