Matheus Cunha faz golaço e Hertha Berlin vence fora de casa; veja outros jogos de sábado na Bundesliga


A Bundesliga voltou neste sábado e teve participação brasileira. Na PreZero Arena, o Hertha Berlin, de Matheus Cunha, visitou o Hoffenheim e não tomou conhecimento dos donos da casa. O time da capital venceu por 3 a 0, com um golaço do atacante da Seleção Olímpica.

VEJA A TABELA DA BUNDESLIGA

Depois de um primeiro tempo com poucas emoções, o time de Berlim abriu o placar aos 13 minutos. O lateral-direito Peter Pekarík chutou de fora da área e o zagueiro Kevin Akpoguma, do Hoffenheim, tentou desviar, mas mandou para dentro do próprio gol. O segundo saiu dois minutos depois, com Vedad Ibisevic. O capitção do time recebeu cruzamento de Mittelstädt na medida e marcou.

Para fechar o caixão, uma pintura de Matheus Cunha aos 29 minutos. O camisa 26 recebeu na linha de fundo pelo lado esquerdo, driblou o marcador, invadiu a área e, quase sem ângulo, conseguiu mandar na gaveta. Foi o terceiro jogo seguido do atacante da Seleção Olímpica fazendo gol.

WOLFSBURG MARCA NOS ACRÉSCIMOS E VENCE FORA DE CASA







Augsburg x Wolfsburg - Comemoração
Augsburg x Wolfsburg - Comemoração
Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ginczek e Mbabu comemoram: sem mãos, apenas com cotovelos e pés (Foto: TOBIAS HASE / AFP)

Em Augsburg, o Wolfsburg visitou o time da cidade e venceu no apagar das luzes. Em jogo realizado na WWK Arena, Daniel Ginczek recebeu de Kevin Mbabu após linda jogada e só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol. Renato Steffen abriu o placar para os visitantes e Tin Jedvaj empatou para os donos da casa antes do gol da vitória.

DÜSSELDORF E PADERBORN NÃO SAEM DO ZERO

Fortuna Düsseldorf x Paderborn - Disputa
Fortuna Düsseldorf x Paderborn - Disputa

Berisha ganha na corrida do marcador (Foto: SASCHA SCHUERMANN / AFP)

Na cidade de Düsseldorf, no oeste da Alemanha, Fortuna Düsseldorf e Paderborn ficaram no 0 a 0. O time da casa bem que tentou e finalizou 10 vezes ao todo contra o gol de Leopold Zingerle, mas o arqueiro adversário estava em grande dia e não deixou a bola entrar.


Leia também