Massagista do Flamengo desde 1980, Jorginho morre vítima da COVID-19

Uma triste notícia deixa o Flamengo de luto nesta segunda-feira. Isso porque, Jorge Luiz Domingos, mais conhecido como Jorginho, morreu vítima da COVID-19. Ele tinha 68 anos e estava internado no CTI de um hospital na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, em estado grave.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Notório funcionário do clube desde 1980, Jorginho tinha 40 anos de serviços prestados ao Flamengo, além de ter integrado as comissões técnicas campeões mundiais do Rubro-Negro, em 1981, e da Seleção Brasileira, em 2002.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

Contaminado pelo novo coronavírus, Jorginho sofreu uma parada cardiorrespiratória no início desta tarde. O clube, que trabalha com afinco nos bastidores para retornar às atividades no Ninho do Urubu, deve se pronunciar oficialmente em breve.

Já Marcos Braz, vice-presidente de futebol do clube, postou uma mensagem no Twitter, com uma foto de Jorginho e os seguintes dizeres: "Vai com Deus".

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também