Marquinhos se diz destemido e continua a ter proteção de Carille

Um dos meias que o Corinthians contratou em 2016 e ainda não vingaram, o meia Marquinhos Gabriel deverá enfrentar mais cobranças de torcedores a partir desta quinta-feira. Na noite anterior, ele desperdiçou um dos pênaltis (os pratas da casa Maycon e Guilherme Arana também erraram) que sacramentaram a eliminação do Corinthians na Copa do Brasil, diante do Internacional, em Itaquera.

“Eu não temo nada”, avisou Marquinhos, sobre a possibilidade de ficar marcado pela falha. “Tenho trabalhado a cada dia. É claro que não gosto da situação, mas tenho certeza de que darei a volta por cima aqui dentro e de que muita gente ficará do meu lado”, acrescentou.

Um dos que estão ao lado do jogador é Fábio Carille. O técnico que avalizou o empréstimo de Marlone ao Atlético-MG, em troca pelo atacante Clayton, e havia autorizado as saídas fracassadas de Giovanni Augusto para o Inter e Guilherme para o Coritiba segue confiante em Marquinhos Gabriel.

“O Marquinhos perdeu pênalti, mas é um jogador em que acredito muito, de qualidade. Quando ficou em campo, foi muito positivo. As nossas jogadas saíram pela direita, onde ele estava. Sei que ele é assim, bom no um contra um, nas finalizações. O pênalti é um detalhe. Infelizmente, um tinha que ficar fora, e foi o Corinthians”, resignou-se Carille.

O técnico mandou Marquinhos Gabriel a campo diante do Inter aos 36 minutos do segundo tempo, no lugar do volante Gabriel. Àquela altura, o Corinthians havia voltado a pressionar o time gaúcho, pois a partida estava empatada por 1 a 1, resultado que levava a disputa da vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil para os pênaltis.

“A gente perdeu um pouco o meio-campo. Os volantes do Inter, atuando pelos lados, acabaram dando superioridade para eles nas jogadas. Mas gostaria de ressaltar que a nossa equipe fez um belíssimo trabalho. Não é porque perdeu a classificação que está tudo errado”, defendeu Marquinhos Gabriel, acostumado a pedir paciência. No início do ano, por exemplo, ele marcou o gol da vitória por 1 a 0 em amistoso contra a Ferroviária e extravasou com palavrões após se sentir incomodado com cobranças de torcedores.

Com ou sem Marquinhos Gabriel em campo, o Corinthians terá a chance de voltar a alegrar o seu público já no domingo, quando enfrentará o São Paulo por uma vaga na final do Campeonato Paulista. No Morumbi, o time de Fábio Carille derrotou o rival por 2 a 0.