Marko diz que fracasso de Vettel na Ferrari foi causado por "insegurança" desde GP da Alemanha de 2018

Jonathan Noble
·3 minuto de leitura

O fracasso de Sebastian Vettel em entregar tudo o que queria na Ferrari foi causado pela "insegurança" como resultado de sua batida no GP da Alemanha de 2018, é o que disse o consultor esportivo da Red Bull, Helmut Marko.

O tetracampeão mundial esperava somar mais títulos em sua carreira na Ferrari, após ingressar na equipe em 2015, mas no final, ficou aquém dessa meta e a equipe optou por não continuar com ele neste ano.

Leia também:

F1: Horner nega que Vettel ou Hulkenberg foram considerados para vaga de Albon Colocando em números: onde Vettel se posiciona na história da Ferrari na F1? F1: Vettel omite Binotto de lista de 'notáveis' em período na Ferrari; veja os nomes

Em meio a algumas dificuldades nos últimos dois anos, que incluíram desempenhos sem brilho e erros, alguns questionaram se Vettel havia passado de seu melhor como piloto de F1.

Marko acredita que Vettel realmente perdeu sua confiança na Ferrari nos últimos anos, e isso é tudo um legado do que aconteceu em Hockenheim em 2018.

Naquela época, Vettel estava no topo do campeonato mundial e liderando desde a pole position da corrida, quando cometeu um erro e bateu em condições de chuva fraca. O incidente abriu a porta para o eventual campeão Lewis Hamilton levar uma vitória crucial.

Marko acredita que o erro de Vettel teve um impacto duradouro, que se prolongou quando a equipe passou de Maurizio Arrivabene como chefe, para Mattia Binotto.

“Acho que é uma insegurança que começou, a meu ver, com acidente em Hockenheim em 2018, enquanto liderava”, disse Marko ao Motorsport.com em entrevista exclusiva.

“Naquela época, Arrivabene ainda era o chefe da equipe. A partir daí, a relação com a Ferrari foi de mal a pior. O quanto ele estava em desvantagem em termos de material, não posso dizer, mas é preciso dizer que ele cometeu muitos erros sozinho.”

“Com este acidente, a incerteza se instalou e a direção muitas vezes não estava no nível de Vettel”.

Questionado se ele acreditava que Vettel poderia redescobrir sua melhor forma ao se juntar à Aston Martin neste ano, Marko disse: “Espero que sim, pelo bem dele”.

Marko e Vettel criaram um vínculo forte na Red Bull, com o alemão conquistando todos os quatro títulos mundiais pelo time de Milton Keynes.

Vettel foi vinculado no início do ano passado a um possível retorno à Red Bull em meio à incertezas sobre seu futuro na F1, mas a equipe deixou claro que nunca o considerou na época em que ele estava disponível, porque estava comprometido com Alex Albon naquele momento.

No final, Vettel assinou com a Aston Martin e a Red Bull optou por Sergio Pérez como companheiro de equipe de Max Verstappen em 2021.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Confira DEZ motivos para ficar ligado na temporada de 2021 da F1

PODCAST: Quem ou quais foram os maiores fiascos da F1 em 2020?

Your browser does not support the audio element.