Maria Portela vai aos prantos após eliminação: 'Sei que tinha que ter brigado, mas dei tudo de mim'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Maria Portela lamenta após eliminação (REUTERS/Sergio Perez)
Maria Portela lamenta após eliminação (REUTERS/Sergio Perez)

Após uma derrota controversa para a russa Madina Taimazova nas oitavas de final da categoria 70 kg, a judoca Maria Portela não resistiu e foi aos prantos. Após mais de dez minutos de de golden score, ela deu uma entrevista bastante emocionada ao canal SporTV.

"Eu queria muito vencer. Treinei muito e estava muito preparada. Eu ainda não acredito que isso aconteceu. Quase joguei ela algumas vezes. Não deu, infelizmente. Eu me entreguei. Faltou um pouquinho mais. Eu quero agradecer a Deus por ter me ajudado a chegar aqui, assim como a todas as pessoas que acreditaram em mim. Desculpa. Eu sei que tinha que ter brigado, mas eu dei tudo de mim ali em cima. Mas não deu, mais uma vez", afirmou a judoca. 

Leia também:

Sobre as questões de arbitragem, bastante questionada, a brasileira preferiu não falar e focou no que acha que poderia ter feito.

 "O árbitro, se a gente não define, ele tem que definir. E quem tiver um pouco mais de iniciativa, vai levar. Não foi culpa dele. Eu tinha que ter sido mais agressiva, imposto mais o ritmo, por mais que não fosse efetiva. Isso foi o que ela fez e acabou levando", disse.

Maria Portela, de 33 anos, ainda tem chance de medalha nas Olimpíadas. No dia 30 de julho, ela fará parte do time brasileiro que disputará a prova das equipes mistas.

"Agora quero ajudar a equipe a chegar ao pódio. Sei que meu ponto é muito importante e o foco é esse, contribuir para que possamos evoluir na competição. Somos um time muito forte", completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos