Marcus D'Almeida é eliminado nas oitavas do tiro com arco em Tóquio-2020

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO: O arqueiro brasileiro Marcus Vinicius D'Almeida, que disputa as Olimpíadas de Tóquio. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO: O arqueiro brasileiro Marcus Vinicius D'Almeida, que disputa as Olimpíadas de Tóquio. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O brasileiro Marcus D'Almeida foi eliminado nas oitavas de final do tiro com arco nas Olimpíadas de Tóquio-2020. Na noite brasileira desta sexta-feira (30), já manhã de sábado (31) no Japão, ele foi derrotado pelo italiano Mauro Nespoli pelo placar de 6 a 0.

Apesar do resultado, a campanha é a melhor da história do Brasil na disputa masculina. D'Almeida já havia competido em uma edição olímpica e caído na primeira fase, no Rio de Janeiro, em 2016.

Já na competição feminina, Ane Marcelle não repetiu a trajetória registrada nos Jogos cariocas, quando também avançou até as oitavas de final. Em Tóquio-2020, ela foi eliminada na segunda rodada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos