Marcelo Moreno supera Crespo e se torna o 3º maior artilheiro da história das Eliminatórias

·1 minuto de leitura


Não teve bola rolando para Brasil x Argentina, neste domingo, mas ainda assim tivemos gol 'brasileiro' nas Eliminatórias Sul-Americana para a Copa do Mundo. Marcelo Moreno, filho de pai brasileiro e mãe boliviana, balançou as redes duas vezes na derrota da Bolívia para o Uruguai por 4 a 2 e se tornou o terceiro maior artilheiro da história da disputa. O atacante é o principal goleador da atual edição, com 8 gols marcados.

Nascido em Santa Cruz de la Sierra, o hoje atacante do Cruzeiro chegou à marca de 20 tentos em 49 partidas de Eliminatórias, superando o argentino Hernán Crespo, atual técnico do São Paulo, que marcou 19 vezes em 33 jogos. Agora, apenas o uruguaio Luís Suárez, com 25, e Lionel Messi, com 23, aparecem à frente do centroavante da Raposa no ranking histórico.

Entre os brasileiros, Neymar, Romário e Zico são os principais goleadores com 11 gols cada. O Baixinho, com apenas oito atuações, tem a melhor média do trio - o Galinho, ídolo do Flamengo, entrou em campo 11 vezes, e o craque do Paris Saint-Germain, 19.

MAIORES ARTILHEIROS DA HISTÓRIA DAS ELIMINATÓRIAS

1º - Suárez - Uruguai - 25 gols em 49 jogos
2º - Messi - Argentina - 23 gols em 52 jogos
3º - Marcelo Moreno - Bolívia - 20 gols em 49 jogos
4º - Crespo - Argentina - 19 gols em 33 jogos
5º - Marcelo Salas - Chile - 18 gols em 32 jogos

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos