Marcelinho Carioca critica falta de engajamento sobre o COVID-19: 'Cada um está olhando o seu umbigo'


O Coronavírus, também conhecido como COVID-19, vem gerando consequências graves e mortes ao redor do planeta. Atletas e personalidades do esporte ao redor do mundo vem ajudando na conscientização da população. Agora, quem entrou na luta foi ex-jogador Marcelinho Carioca.

Em entrevista a 'Rádio Tropical FM', o ídolo do Corinthians criticou a preocupação sobre seguidores em redes sociais e sobre as 'lives', que muitos atletas vem fazendo em quarentena, mas ao invés de falar sobre os problemas da doença, fazem propagandas.

- A gente vê uma babaquice na internet com uma preocupação sobre quem tem mais seguidor, sobre quem vai fazer live. E aí, ao invés de falar sobre assuntos pertinentes, sobre como podemos ajudar tal bairro, tal comunidade, tem gente fazendo live de produto. Não tem ninguém fazendo show, não tem ninguém vendendo nada agora -, criticou.

O 'Pé de Anjo' também cobrou uma mudança de postura dos envolvidos, afirmando que é hora de olhar para o próximo e não somente para o seu próprio umbigo.

- As pessoas estão morrendo, estão necessitadas. Usa essa arma da internet para o bem, para ajudar o próximo. A situação está apertando e as pessoas não aprendem. Baile funk... tem momento para fazer tudo. Tem que se conscientizar com o próximo. Cada um está olhando o seu umbigo e não olha para o próximo. Essa é mais uma oportunidade para pensar, refletir, estender a mão e ajudar. Falta sabedoria para as pessoas -, finalizou.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também