Marcão destaca atuações de Marcos Felipe, Luiz Henrique e Calegari e exalta entrega do Fluminense

·3 minuto de leitura


O Fluminense do técnico Marcão chegou a cinco partidas sem perder na temporada após bater o São Paulo por 2 a 1, neste domingo, no Maracanã. Após a partida, o comandante tricolor valorizou os pontos conquistados no Campeonato Brasileiro, que fazem o Tricolor se aproximar ainda mais da zona de classificação para a Libertadores.

+ ATUAÇÕES: Luiz Henrique desempata para o Fluminense e recebe a maior nota; Calegari faz boa partida

- Foi um jogo super difícil. O São Paulo tem uma grande equipe, muito bem treinada. Sabíamos das dificuldades que eles iriam impor. Tivemos entrega total, os jogadores foram no limite máximo. No final, sofremos porque o São Paulo arriscou tudo. Tivemos que guardar posição, colocar mais um zagueiro, tudo para evitar as bolas na área. Temos que valorizar, porque foi um grande adversário - analisou Marcão.

Um dos destaques da partida foi o goleiro Marcos Felipe, que fez seis defesas, todas elas importantes para manter o resultado favorável. Questionado em vários momentos da temporada, o arqueiro vem bem nas últimas partidas.

Veja a tabela do Brasileirão

- O Marcos Felipe vem se dedicando demais. Ele se cobra muito. O André, preparador de goleiros, vem cobrando muito. Ele vem em um crescimento absurdo, tanto de leitura de jogo quanto em questão técnica. Hoje ele fez mais uma grande partida, pegou bolas bem difíceis. Ele estava super ligado, atento. Contribuiu muito. Tem uma sombra forte, do Muriel, eles sempre se cobram e se ajudam. A gente tem goleiros em crescimento, e um ajuda o outro - elogiou.

Outros dois garotos da base também se destacaram neste domingo. O lateral-direito Calegari voltou a ser titular depois de perder a vaga para Samuel Xavier ainda no início da temporada e teve atuação sólida, enquanto Luiz Henrique marcou o gol da vitória. O atacante viveu altos e baixos, mas foi importante pelo segundo jogo consecutivo.

- Esses dois meninos já passaram por momentos importantes junto com a gente. Confiamos muito tanto no Calegari quanto no Luiz, entre outros meninos. Já estão acostumados com a pressão, entendem o que é vestir a camisa do Fluminense. Temos um cuidado maior com o Luiz, conseguimos entender o que ele precisa para render mais. Ele tem um talento absurdo, mas temos feito correções. A gente vê o crescimento do grupo todo, e a gente vê isso em jogos grandes como esse - exaltou.

Com o resultado, Marcão chega a cinco jogos sem perder desde que assumiu o lugar de Roger Machado e, somando à última temporada, são 14 partidas de invencibilidade.

- Não me prendo a números, mas as vitórias valorizam o trabalho e o grupo. Manter isso no Brasileiro é muito difícil. A gente queria fazer dois ou três gols em todo jogo, mas o campeonato é muito difícil. A gente tenta fazer o melhor, nunca queremos sofrer. Cada jogo tem uma história - analisou.

Agora, o Fluminense volta as atenções para a Copa do Brasil. Na quarta-feira, às 19h, a equipe enfrenta o Atlético-MG, fora de casa, depois de perder por 2 a 1 no Maracanã. No Brasileiro, os cariocas enfrentam o Cuiabá na segunda-feira.

- Vamos pensar nesse jogo a partir de agora. Os nossos meninos trabalharam muito para disputar esse jogo. O favoritismo é do Atlético-MG, mas tenho um time muito corajoso. Tenho certeza que a nossa equipe vai fazer um grande jogo, quer buscar a classificação. Vamos estudar bastante a equipe do Atlético e tentar ver onde podemos agredir - finalizou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos