Maracanã é liberado para Flamengo x San Lorenzo após vistoria

Enquanto o elenco do Flamengo ainda treinava para a estreia na Libertadores, nesta quarta-feira, contra o San Lorenzo-ARG, fiscais do Crea-RJ realizaram vistoria e liberaram o Maracanã. Os profissionais ameaçaram ir à Justiça para pedir o adiamento da partida após terem sido barrados pelo consórcio que administra o estádio.

O presidente do Crea-RJ, Reynaldo Rocha Barros, minimizou o problema ocorrido e garantiu que o estádio está aprovado. Ele citou os problemas ocorridos no Carnaval carioca para justificar as atitudes tomadas.

“Não há risco para o jogo. Esse trabalho já está sendo feito desde a semana passada. É que nós tínhamos condições de fazer esse trabalho ontem e hoje, porque o Crea-RJ está envolvido nos acidentes do carnaval, está focado nesses assuntos. Foi nesta segunda-feira que começamos a trabalhar com o consorcio. Está tudo resolvido e o importante é que vai ter jogo”, disse.

Dentro de campo, os rubro-negros fizeram o reconhecimento do gramado. O técnico Zé Ricardo, após o trabalho, falou com a imprensa e ressaltou que os flamenguistas não vão repetir os erros da final da Taça Guanabara. O comandante minimizou a falta de ritmo dos argentinos e alertou sobre o gramado, que segundo ele ainda não está 100%.