Marília Mendonça: 'É louco saber que tem tanta gente te vendo'

Yahoo Vida e Estilo
A cantora goiana faz mais uma live neste sábado (9/5), às 20h30
A cantora goiana faz mais uma live neste sábado (9/5), às 20h30

O isolamento social está sendo marcado por inúmeras lives de artistas da música pop, nacional e internacional, como forma de criar uma trilha sonora para esse período. A campeã de audiência no Brasil é a rainha da música sertaneja. Marília Mendonça conseguiu mais de 3 milhões de pessoas vendo seu show intimista, feito em casa, no dia 8 de abril. Neste sábado (9/5), véspera do Dia das Mães, ela faz mais uma live, às 20h30, em seu canal no YouTube. Enquanto prepara essa nova produção, a cantora fala a este colunista.

"Foi muito diferente de tudo o que eu já fiz. Mesmo sem o público ali na minha frente, é muito louco saber que tem tanta gente te assistindo", conta Marília, sobre a sensação de ser vista por mais de 3 milhões de pessoas.

"Confesso que eu comecei um pouco tensa, mas depois fui me soltando e, de uma forma ou de outra, deu pra trocar uma vibe boa e positiva com a galera. Eu terminei a live extremamente feliz, como se tivesse no palco", continua, sobre a experiência.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Ela não vê problema em termos uma onda de lives, no momento, inclusive algumas muito parecidas 
"Fiz umas duas lives pelo Instagram, só voz e violão, mas eu digo que boas iniciativas devem ser copiadas mesmo, e decidi fazer nesse formato, depois de ver a primeira live do Gusttavo Lima. Achei muito bacana o formato, e que bom que todos seguiram esse caminho. No final, o nosso objetivo é o mesmo: levar entretenimento para as pessoas que estão em casa e, principalmente, ajudar quem mais está precisando nesse momento", diz.

Como inúmeros outros artistas da música nacional, ela teve uma turnê interrompida pela chegada do covid-19, mas não se abala.

"Estou com o projeto Todos os Cantos na estrada desde 2018. A ideia é passar em todas as capitais, gravando uma música inédita em um show gratuito e aberto ao público. O que a gente fez foi adaptar para a nossa realidade. Semana passada eu lancei 'Vira Homem', música que faz parte desse repertório do projeto, e gravamos o clipe em casa, tudo produzido e gravado pelo celular. Tenho certeza que quando tudo isso passar, nós vamos voltar a rodar com esse projeto pelo Brasil."

Um estudo bem recente da Hibou, que é uma empresa especializada em pesquisas, diz que 62% do público do sertanejo é formado por mulheres, e que Marília, aos 24 anos, é a artista preferida entre cantores, cantoras e duplas. A música que ela faz tem um discurso direto justamente para mulheres.

"Eu me sinto muito honrada de fazer parte desse movimento que estamos vivendo na música sertaneja. Há muito pouco tempo a gente [mulheres cantoras] não tinha esse espaço e, mesmo não tendo, fomos lutando e fazendo o nosso próprio caminho. Essa forma de falar sobre a nossa realidade, a versão feminina dos fatos nas músicas, é o que gera a identificação com o nosso público", comenta.

Marília é conhecida como Rainha da Sofrência, o que indica uma força de suas canções frente a pessoas com problemas em relacionamentos. Pode-se pensar em solteiros e solteiras, ou separados e separadas. Por outro lado, ela sempre tem demonstrado publicamente o amor por namorado e filho. Mesmo indiretamente, esse lado família parece reforçar ainda mais suas canções. Seriam como temas musicais poderosos para que uma vida amorosa dê certo.

Ela concorda. "A música sempre tem o papel de ser trilha sonora da vida, né? Independentemente da situação, boa ou ruim, alegre ou triste, a gente sempre tem uma música que marca. Eu tenho muitas composições que falam de situações que eu vivi, mas também tem muitas que falam de situações de outras pessoas. Então eu prometi para o meu público que a sofrência nunca vai deixar o meu repertório, mesmo estando extremamente feliz e realizada com a minha família", fala a artista goiana.

Para concluir a conversa, ela adianta um pouco de como será a live deste sábado, 9 de maio. "Estou preparando um repertório especial com músicas de toda a minha carreira. Tem um bloco só com músicas de outros artistas que eu participei e um bloco bem romântico. Se eu falar mais, vou estragar as surpresas (risos)."

Leia também