Mano Menezes cita 'jogo parelho', mas lamenta chances perdidas do Inter

Ricardo Duarte/Internacional


Saindo atrás no placar na partida contra o Cuiabá, na noite deste sábado, pelo Campeonato Brasileiro, o Internacional mostrou poder de reação ao conseguir igualar o marcador com De Pena, dando números finais em 1 a 1 na Arena Pantanal.

Após marcar o gol de empate, o clube gaúcho, com vantagem numérica em campo por conta da expulsão de João Lucas, no lance em que o lateral cometeu o pênalti, desperdiçou boas chances de conquistar a virada no placar. Diante da situação, o técnico Mano Menezes, mesmo ressaltando sobre o equilíbrio durante boa parte do jogo, não escondeu sua frustração ao falar sobre as chances perdidas na reta final de jogo.

"Foi um jogo de competição, como esperávamos. Um jogo muito parelho, com pouca criação no primeiro tempo. Poderíamos ter criado mais, mas produzimos pouco. Marcaram o gol cedo no segundo tempo, iriamos mexer e melhoramos. Empatamos e poderíamos ter vencido. Quando ficamos com um a mais, faltou um pouco de experiência de equipe. Uma chance mais trabalhada para ganharmos. Deixamos dois pontos aqui", declarou o treinador.

Sobre a sequência invicta desde que assumiu o comando do time, Mano optou por manter os pés no chão. Apesar de exaltar o fato de não somar derrotas, frisou que o o melhor seria conquistar mais vitórias visando a sequência.

"A invencibilidade é um detalhe. É bom não perder, mas temos que acrescentar mais vitórias para ter um gosto melhor essa sequência", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos