►Mancini lamenta a derrota da Chape, mas não desiste da classificação na Libertadores

Treinador criticou atuação do árbitro e na sua visão, sua atuação pesou diretamente no placar em Montividéu

Não foi o placar sonhado pelos jogadores da Chapecoense, porém mesmo com a derrota de 3 x 0 para o Nacional-URU, o técnico Vagner Mancini garante que a equipe segue na luta pela classificação na Copa Libertadores e não joga a toalha. 

"Com um jogador a menos já fica complicado, com dois fica muito mais. Mas pelo empate do Lanús lá na Venezuela, temos dois times com quatro pontos e dois com sete pontos. Portanto existe possibilidades sim. Lógico que teremos que fazer pontos lá no jogo do Lanús, na Argentina, mas enquanto houver vida iremos lutar até o último minuto.", disse.


Ainda de acordo com o treinador, o gol sofrido pela equipe logo no íncio da partida pesou muito contra os catarinenses, que de acordo com ele,  

"Até fazer o gol o Nacional só nos incomodava através dos escanteios. Mas a gente sabia que a tônica do jogo seria essa. E o gol, em uma falha nossa, que acabou sendo decisivo dentro da partida, pois o Nacional passou a jogar de uma forma diferente". concluiu.