Mancini chega ao seu maior período invicto pelo Corinthians; confira retrospecto

Fábio Lázaro
·1 minuto de leitura


Com a vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre o Mirassol, nesta terça-feira (23), pela quinta rodada do Campeonato Paulista, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), o técnico Vagner Mancini chegou a sua maior sequência de invencibilidade desde que assumiu o clube, em outubro do ano passado.

>> Confira a tabela do Paulistão e simule os próximos jogos

Foi a quarta vitória consecutiva do Timão, que chegou a oito partidas sem saber o que é perder - soma-se quatro empates à contagem.

A maior sequência invicta do "Corinthians de Mancini" até aqui tinha sido entre 22 de novembro de 2020 e 13 de janeiro de 2021, com sete partidas sem ser derrotado (cinco vitórias e dois empates), sendo quebrada na goleada sofrida para o Palmeiras, por 4 a 0, pela 28ª rodada do Brasileirão, no dia 18 de janeiro, no Allianz Parque.

A fase positiva contrapõe um momento de seca que o Timão viveu recentemente, com quatro empates consecutivos entre os dias 21 de fevereiro e 3 de março, nas duas últimas partidas do último Brasileirão e duas primeiras deste Paulistão, o time do Parque São Jorge chegou a sete jogos e mais de um mês sem vencer. Contudo, com os quatro triunfos seguidos nos últimos 16 dias o que era jejum virou tabu.

São 31 jogos do Corinthians sob o comando de Vagner Mancini, desde o seu ingresso, com 14 vitórias, nove empates e oito derrotas, 51 pontos conquistados de 93 disputados, um aproveitamento de 54,8%.

O retrospecto médio até o momento é superior aos últimos três treinadores efetivos do Timão: Tiago Nunes (45,6%), Fábio Carille (50,7%) e Jair Ventura (31,5%)