Manchester City prepara oferta de R$ 745 milhões por Kane, diz jornal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Principal nome do Tottenham, o atacante Harry Kane expressou seu desejo de deixar os Spurs na última segunda-feira, de acordo com a imprensa britânica. E o principal candidato a contratar o jogador de 27 parece ser o Manchester City, que já planeja fazer uma oferta pelo atleta.

+ Veja a tabela da Premier League


Segundo informações do jornal "The Mirror", o clube de Pep Guardiola estuda oferecer em torno de 100 milhões de libras esterlinas (cerca de R$ 745 milhões) para tirar o camisa 10 de Londres. Kane, entretanto, tem mais três anos de contrato, o que dificulta qualquer negócio.

O portal ainda traz os números do salário de atleta, e diz que Kane recebe na casa de 200 mil libras semanais (quase R$ 1,5 milhão). No entanto, com uma transferência para o Manchester City, o jogador poderia ganhar ainda mais no Etihad Stadium.

+ Título, Champions, Liga Europa, rebaixamento… Veja o que está em jogo na última rodada dos principais campeonatos europeus

Além do Manchester City, o Manchester United e o Chelsea também monitoram a situação do jogador. Enquanto os Diabos Vermelhos aparecem com menos força nos bastidores, o Tottenham não tem a intenção de vender Kane para os Blues, que são rivais diretos em Londres.

Em 47 jogos na temporada com a camisa dos Spurs, Kane balançou as redes 32 vezes e deu ainda 16 assistências para gols de seus companheiros.

SUBSTITUTO DE AGÜERO?
Caso seja contratado pelo Manchester City, Harry Kane chegará para herdar a vaga de Sergio Agüero, que deixará o clube após dez anos. Além disso, o atleta poderá herdar também a camisa 10, que hoje é usada pelo argentino. Outro nome na mira dos Cityzens é o de Erling Haaland, do Borussia Dortmund.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos