Maldição das oitavas: Corinthians vence Colo-Colo, mas cai na Liberta

Guilherme Amaro
LANCE!
Jogadores do Colo-Colo comemoram o primeiro gol (Alexandre Schneider/Getty Images)

Cássio

Jogadores do Colo-Colo comemoram o primeiro gol (Alexandre Schneider/Getty Images)

O Corinthians mais uma vez não conseguiu passar das oitavas de final da Libertadores da América. Na noite desta quarta-feira, na Arena em Itaquera, o Timão até venceu o Colo-Colo (CHI) por 2 a 1, mas foi eliminado porque havia perdido o duelo de ida por 1 a 0 - no torneio sul-americano, há gol qualificado.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

A queda do Corinthians frustra a possibilidade de haver nas quartas de final o clássico contra o Palmeiras, que enfrenta o Cerro Porteño (PAR) nesta quinta-feira. Agora, o Timão foca na semifinal contra o Flamengo na Copa do Brasil e no Brasileirão, no qual está em oitavo lugar.

Maldição das oitavas
Em 14 participações na Libertadores, foi a oitava vez que o Corinthians caiu nas oitavas de final, sendo a quarta seguida. A última vez que o Timão passou dessa fase foi em 2012, quando faturou o título.

Timão melhor, e gol no início
O Corinthians começou o jogo pressionando o Colo-Colo e não demorou a acabar com a vantagem chilena. Logo aos 14 minutos, Pedrinho tentou colocar na área, e a bola bateu no braço de Baeza. Jadson cobrou no cantinho e abriu o placar - Orion chegou a tocar na bola. Minutos depois, o goleiro ainda fez boa defesa em cobrança de falta de Jadson.

Colo-Colo equilibra e empata
A equipe chilena conseguiu equilibrar a partida a partir da segunda metade do primeiro tempo, principalmente porque Valdivia começou a aparecer. O empate aconteceu aos 31 minutos, quando Pérez cruzou da esquerda, Barrios ganhou de Léo Santos e mandou de cabeça para o fundo da rede. O jovem zagueiro corintiano, de 19 anos, havia entrado aos 14 minutos na vaga de Pedro Henrique, que sofreu uma lesão no joelho direito.

Pressão no segundo tempo
O Timão voltou elétrico do intervalo. Logo no primeiro minuto da etapa inicial, Jadson cobrou escanteio, Henrique finalizou e viu Orion salvar o Colo-Colo. Mas o gol não demorou a sair: em novo escanteio cobrado por Jadson, Roger desviou com o pé direito e marcou.

Expulsão no fim
O Corinthians pressionava nos minutos finais e rondava a área do Colo-Colo, que se segurava de qualquer jeito. A situação ficou mais complicada para o Timão aos 45 minutos do segundo tempo, quando Danilo Avelar se envolveu em confusão e foi expulso. Ainda foram mais sete minutos de acréscimos, mas o Corinthians não teve sucesso nas tentativas.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 1 COLO-COLO
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data-Hora: 29/8/2018 - 21h45
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Juan Belatti (ARG) e Gustavo Rossi (ARG)
Público/renda: 38.112 pagantes/R$ 2.736.246,58
Cartões amarelos: Pedrinho e Ralf (COR), Zaldivia, Barrios, Carmona e Damián Pérez (COC)
Cartões vermelhos: Danilo Avelar, aos 45'/2ºT (COR)
Gols: Jadson (16'/1ºT) (1-0), Barrios (31'/1ºT) (1-1), Roger (18'/2ºT) (2-1),

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Mateus Vital, aos 36'/2ºT), Pedro Henrique (Léo Santos, aos 14'/1ºT), Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Pedrinho (Emerson Sheik, aos 39'/2ºT), Jadson e Romero; Roger. Técnico: Osmar Loss.

COLO-COLO: Orion; Zaldivia, Barroso e Insaurralde; Opazo, Baeza, Valdivia (Campos, aos 44'/2ºT), Carmona e Damián Pérez (Fierro, aos 32'/2ºT) ; Paredes (Pavez, aos 35'/2ºT) e Barrios. Técnico: Gualberto Jara.

Leia mais:
Bem nos EUA, Ilsinho curte ‘clima familiar’ de torcida
Löw nega racismo na seleção da Alemanha
'Espero sentir orgulho', diz Bolt sobre estreia no futebol

Leia também