Maldição das oitavas: Corinthians vence Colo-Colo, mas cai na Liberta

Guilherme Amaro
LANCE!
Jogadores do Colo-Colo comemoram o primeiro gol (Alexandre Schneider/Getty Images)

Cássio

Jogadores do Colo-Colo comemoram o primeiro gol (Alexandre Schneider/Getty Images)

O Corinthians mais uma vez não conseguiu passar das oitavas de final da Libertadores da América. Na noite desta quarta-feira, na Arena em Itaquera, o Timão até venceu o Colo-Colo (CHI) por 2 a 1, mas foi eliminado porque havia perdido o duelo de ida por 1 a 0 - no torneio sul-americano, há gol qualificado.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

A queda do Corinthians frustra a possibilidade de haver nas quartas de final o clássico contra o Palmeiras, que enfrenta o Cerro Porteño (PAR) nesta quinta-feira. Agora, o Timão foca na semifinal contra o Flamengo na Copa do Brasil e no Brasileirão, no qual está em oitavo lugar.

Maldição das oitavas
Em 14 participações na Libertadores, foi a oitava vez que o Corinthians caiu nas oitavas de final, sendo a quarta seguida. A última vez que o Timão passou dessa fase foi em 2012, quando faturou o título.

Timão melhor, e gol no início
O Corinthians começou o jogo pressionando o Colo-Colo e não demorou a acabar com a vantagem chilena. Logo aos 14 minutos, Pedrinho tentou colocar na área, e a bola bateu no braço de Baeza. Jadson cobrou no cantinho e abriu o placar - Orion chegou a tocar na bola. Minutos depois, o goleiro ainda fez boa defesa em cobrança de falta de Jadson.

Colo-Colo equilibra e empata
A equipe chilena conseguiu equilibrar a partida a partir da segunda metade do primeiro tempo, principalmente porque Valdivia começou a aparecer. O empate aconteceu aos 31 minutos, quando Pérez cruzou da esquerda, Barrios ganhou de Léo Santos e mandou de cabeça para o fundo da rede. O jovem zagueiro corintiano, de 19 anos, havia entrado aos 14 minutos na vaga de Pedro Henrique, que sofreu uma lesão no joelho direito.

Pressão no segundo tempo
O Timão voltou elétrico do intervalo. Logo no primeiro minuto da etapa inicial, Jadson cobrou escanteio, Henrique finalizou e viu Orion salvar o Colo-Colo. Mas o gol não demorou a sair: em novo escanteio cobrado por Jadson, Roger desviou com o pé direito e marcou.

Expulsão no fim
O Corinthians pressionava nos minutos finais e rondava a área do Colo-Colo, que se segurava de qualquer jeito. A situação ficou mais complicada para o Timão aos 45 minutos do segundo tempo, quando Danilo Avelar se envolveu em confusão e foi expulso. Ainda foram mais sete minutos de acréscimos, mas o Corinthians não teve sucesso nas tentativas.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 1 COLO-COLO
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data-Hora: 29/8/2018 - 21h45
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Juan Belatti (ARG) e Gustavo Rossi (ARG)
Público/renda: 38.112 pagantes/R$ 2.736.246,58
Cartões amarelos: Pedrinho e Ralf (COR), Zaldivia, Barrios, Carmona e Damián Pérez (COC)
Cartões vermelhos: Danilo Avelar, aos 45'/2ºT (COR)
Gols: Jadson (16'/1ºT) (1-0), Barrios (31'/1ºT) (1-1), Roger (18'/2ºT) (2-1),

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Mateus Vital, aos 36'/2ºT), Pedro Henrique (Léo Santos, aos 14'/1ºT), Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Pedrinho (Emerson Sheik, aos 39'/2ºT), Jadson e Romero; Roger. Técnico: Osmar Loss.

COLO-COLO: Orion; Zaldivia, Barroso e Insaurralde; Opazo, Baeza, Valdivia (Campos, aos 44'/2ºT), Carmona e Damián Pérez (Fierro, aos 32'/2ºT) ; Paredes (Pavez, aos 35'/2ºT) e Barrios. Técnico: Gualberto Jara.

Leia mais:
Bem nos EUA, Ilsinho curte ‘clima familiar’ de torcida
Löw nega racismo na seleção da Alemanha
'Espero sentir orgulho', diz Bolt sobre estreia no futebol

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também